Atrás de sequência positiva, Joinville recebe embalado Bahia pela Série B

Jec busca segunda vitória consecutiva na busca de fugir da zona de rebaixamento enquanto Bahia mira o G4

Atrás de sequência positiva, Joinville recebe embalado Bahia pela Série B
Fonte: Joinville/Divulgação
Joinville
Bahia
Joinville: Samuel Pires; Reginaldo, Danrlei, Fabiano Eller e Diego; Naldo, Matheus Bertotto, Bruno Ribeiro e Bruno Farias e Giva; Jael.
Bahia: Muriel; Eduardo, Jackson, Rodrigo e Moisés; Luiz Antonio, Juninho, Renato Cajá; Hernane, Victor Rangel e Edigar Junio.
INCIDENCIAS: Partida válida pela 22ª Rodada do campeonato Brasileiro Série B 2016 a ser disputada na Arena Joinville, Santa Catarina

Na noite desta terça feira (29), ás 19h15, Joinville e Bahia duelam na Arena Joinville, interior de Santa Catarina, jogo válido pela 22ª rodada da Série B. As duas equipes chegam embaladas depois de resultados positivos na última rodada, porém o objetivo de cada um é bem distinto na tabela, enquanto o JEC busca sair da zona de rebaixamento, o Bahia pensa em se aproximar do seleto grupo dos classificados para a Série A de 2017.

Atualmente 18º colocado com 21 pontos, o Joinville busca a segunda vitória consecutiva, o que seria a primeira vez a acontecer este fato dentro do campeonato. Nos dois jogos do returno a equipe somou 4 pontos e da sinais de reação, porém o JEC encontra-se 5 pontos atrás do Paraná, primeira equipe fora do z4. Na última sexta feira a equipe venceu o clássico local contra o Críciuma por 1 a 0 fora de casa.

O tricolor baiano chega embalado para o confronto, a equipe vem de duas vitórias expressivas diante de Avaí e Paraná respectivamente por 3 a 0, vitórias que o deixou na 6ª colocação com 31 pontos, 3 a menos que o CRB, atual 4º colocado.

No primeiro turno as equipes se enfrentaram no Estádio Fonte Nova, em Salvador, jogo que terminou com triunfo baiano por 1 a 0, gol de Ernane, vitória que colocava o Bahia no G4 e afundava o Joinville no Z4, que naquela época ainda não havia vencido no campeonato.

Joinville com dois desfalques para o jogo

Após vencer o Críciuma fora de casa, o técnico Lisca esperava dar sequencia ao time que entrou em campo no clássico, porém o departamento médico avaliou os jogadores e confirmou que o goleiro Jhonatas e lateral Fernandinho estão fora da partida.

O goleiro foi submetido a exames, e o clube espera o resultado para saber a gravidade da lesão. Para o seu lugar Lisca confirmou Samuel Pires. Diego entrará no lugar de Fernandinho sentiu um desconforto na coxa.

Lisca falou nesta segunda sobre o Bahia, o treinador acredita em um confronto equilibrado e também lamenta não poder repetir a equipe e também no grande refezamento que a equipe vem sofrendo na meta;

"A gente vem mantendo uma base. Por algumas questões, tem que fazer mudanças. No próximo jogo, não vai dar para repetir a escalação. Não temos o Jhonatan, que sentiu uma lesão em Criciúma. Vai jogar o Samuel. Isso é uma situação bem atípica. É o quinto goleiro que vai jogar. Para ver como a dificuldade é enorme. Mas confio muito no Samuel, mostrou que é experiente, e tenho confiança nele. O Fernandinho também. Ele sentiu um pequeno desconforto. Considero o Bahia um franco adversário ao acesso. O momento deles é ótimo, mas também temos os nossos objetivos." , enfocou.

Yuri volta a ser relacionado no Bahia após lesão que o afastou 4 meses dos gramados

Nesta terça feira o técnico Guto Fereira terá mais uma nova opção no elenco baiano, depois de 4 meses de recuperação após uma lesão no joelho em Abril, o volante Yuri está disponível para jogar, o jogador viajou para Joinville e começa a partida no banco de reservas. Além do retorno de Yuri, Guto também terá o retorno do zagueiro Eder que se recuerou das dores no joelho, mesmo assim o zagueiro também ficará no banco. 

Vindo de dois resultados positivos o Bahia não poderá novamente repetir a equipe, o zagueiro Tiago que recebeu o terceirão cartão amarelo na partida contra o Paraná terá que cumprir suspensão, em seu lugar, o provável substituto será Rodrigo. Outro desfalque tricolor é do volante Feijão que sofreu um corte na cabeça, em seu lugar, Juninho deverá ganhar uma chance.

Após dois bons resultados a ordem no vestiário baiano é de manter os pés nos chão e buscar o G4, o Bahia novamente se aproximou do G4, algo que esteve distante durante boa parte do primeiro turno, diante disso a equipe não quer deixar novamente a distância do G4 aumentar, o que faz com o treinador, Guto Fereira, manter os três atacantes que deu certo nas últimas rodadas.