Pimpão decide, Botafogo vence Atlético Nacional e se classifica na Libertadores

Atacante decidiu mais uma vez e o alvinegro eliminou o atual campeão da Libertadores

Pimpão decide, Botafogo vence Atlético Nacional e se classifica na Libertadores
Foto: Divulgação/Botafogo F.R.
Botafogo
1 0
Atlético Nacional
Botafogo: Gatito Fernandez; Emerson Santos, Carli, Igor Rabello e Victor Luís; Rodrigo Lindoso, Bruno Silva, João Paulo e Camilo (Dudu Cearense, min. 41'/2ºT); Rodrigo Pimpão (Gilson, min. 36'/2ºT) e Roger (Guilherme, min. 21'/2ºT). Técnico: Jair Ventura.
Atlético Nacional: Armani; Bocanegra, Carlos Cuesta, Alexis Henríquez e Farid Díaz; Aldo Ramírez (Luis Ruiz, min. 16'/2ºT), Diego Arias e Macnelly Torres; Ibargüen, Quiñones (Nieto, min. 35'/2ºT) e Dayro Moreno. Técnico: Reinaldo Rueda.
Placar: 1-0, min. 5'/2ºT, Rodrigo Pimpão.
INCIDENCIAS: 5ª rodada da fase de grupos da Copa Libertadores, jogo realizado no estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro.

Dubai me chama! Com muita festa na arquibancada e mais um belo mosaico da torcida alvinegra, o Botafogo venceu o Atlético Nacional por 1 a 0, na noite desta quinta-feira (18), com gol de Rodrigo Pimpão, no estádio Nilton Santos, e garantiu a classificação antecipada para as oitavas de final da Copa Libertadores.

Já classificado, o Botafogo ainda tem mais uma rodada para fechar a participação na fase de grupos, e jogará pela liderança contra o Estudiantes, fora de casa, na próxima quinta-feira (25). Já o atual campeão, o Atlético Nacional está eliminado e cumpre tabela contra o Barcelona de Guayaquil, em casa.

Antes do próximo compromisso pela Libertadores, o Botafogo foca no Campeonato Brasileiro. No domingo (21), o alvinegro recebe a Ponte Preta, às 18h (de Brasília), no estádio Nilton Santos. 

Atlético Nacional e Botafogo travam duelo equilibrado no primeiro tempo

Apoiado pela torcida, o Botafogo começou melhor no jogo. Logo com dois minutos, Roger aproveitou a sobra e acertou a trave. Pouco depois, o atacante serviu Rodrigo Lindoso para abrir o placar, aos 14 minutos, mas o assistente assinalou impedimento na jogada.

Embora o Botafogo tenha começado melhor, o Atlético Nacional foi entrando no jogo aos poucos. A equipe colombiana cresceu depois dos 30 minutos, apostando na bola aérea, mas a defesa alvinegra resistia e tinha Gatito Fernandez para proteger a meta. A melhor oportunidade dos visitantes surgiu aos 38 minutos, quando Macnelly Torres aproveitou cruzamento de Dayro Moreno e cabeceou para fora.

Rodrigo Pimpão decide mais uma vez e Botafogo se classifica na Libertadores

Assim como no primeiro tempo, o Botafogo começou melhor mais uma vez. Mais ligado, o alvinegro abriu o placar logo aos cinco minutos com Rodrigo Pimpão, que aproveitou o passe de Rodrigo Lindoso e bateu cruzado. O autor do gol ainda teve oportunidade de marcar o segundo aos 15 minutos, mas Armani defendeu a finalização.

Pelo resto do segundo tempo, restou ao Botafogo se fechar e jogar com o relógio a seu favor. O Atlético Nacional precisava do resultado, mas não conseguia criar jogadas e nem levava perigo ao goleiro Gatito Fernandez.

O Botafogo ainda teve chances de matar a partida em contra-ataque, mas não conseguiu aproveitar nenhuma. A melhor delas foi com Guilherme, aos 31 minutos, mas Armani salvou o time colombiano. No fim, o Atlético Nacional tentou pressionar na bola aérea, mas não arrumou nada e o alvinegro garantiu a vaga nas oitavas de final da Libertadores - além de eliminar mais um campeão.

Botafogo de Futebol e Regatas