Jair Ventura promete empenho no clássico: “Vamos dar o nosso máximo para vencer”

Treinador falou sobre o clássico, sobre os goleiros, também sobre o Brasileirão e Roger

Jair Ventura promete empenho no clássico: “Vamos dar o nosso máximo para vencer”
(Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo)

O Botafogo encerrou a preparação para o clássico contra o Fluminense hoje no Nilton Santos. Amanhã (12), às 21h, o Maracanã recebe o duelo. O técnico do Glorioso, Jair Ventura, concedeu coletiva à imprensa após o treino dessa tarde.

Jair começou falando sobre os goleiros do Botafogo. Gatito, em grande fase, e Jefferson, voltando bem de lesão. O técnico chegou a questionar a ênfase dada aos defensores da meta alvinegra.

“Agora só falamos de goleiros. Temos mais 10 posições. Me preocupo com todos os jogadores. Aquele goleiro que estiver em melhor fase vai jogar. Assim é em todas as posições. Parece que não temos outros jogadores. Me ponho no lugar dos outros. O Roger, os meias. No Botafogo agora só se fala de goleiro. Não temos mais outros jogadores? É complicado. Jogador é muito vaidoso. Igual a filho. Só vai dar atenção para um? Tem que dar presente para todos e tratar todos igualmente, para que se sintam prestigiados. Tenho confiança total em todos que iniciam. Não só o Jefferson, como em outras posições.”

O treinador seguiu falando sobre o clássico dessa quarta-feira (12) e também da escalação para o duelo: “Jogar um clássico no Maracanã é sempre gostoso, ainda mais contra o Fluminense. Vamos com a força máxima. Vamos dar o nosso máximo para vencer a boa equipe do Fluminense e conseguir os três pontos. Não vou falar a escalção. Não vou mudar o protocolo. O Abel está de olho”, afirmou.

A coletiva seguiu com o técnico falando sobre Jefferson. Jair Ventura destacou a felicidade do goleiro e do grupo também por tê-lo de volta: “Ele parecia uma criança. Estava em êxtase. É gratificante participar de momentos bons na vida das pessoas. Vivemos os dramas também. Luis Ricardo machucou na melhor fase dele. Ficamos felizes pelo retorno. Com o Jefferson foi uma alegria pra toda equipe”, disse.

O atacante Roger também foi falado na coletiva. O comandante do Glorioso elogiou o camisa 9 e destacou sua importância para o grupo: “Crítica, para nós que trabalhamos com a paixão, você tem que estar acostumado. Lidamos com isso. O Roger é um cara muito experiente e tem uma importância enorme para o grupo. Estamos buscando mais um atacante até para ele poder dar uma descansada. Mesmo quando não aparece muito durante a partida, é importante para nós”, falou.

Jair finalizou falando do Campeonato Brasileiro. O treinador destacou o equilíbrio e disse que tem que ter atenção para não ficar em uma zona incômoda: “Quando falamos em Campeonato Brasileiro, independente das equipes, você tem que se preocupar em fugir do rebaixamento. O Atlético-GO e o Avaí começaram mal, mas já se recuperaram. Estamos vendo que vai ser equilibrado até o fim. Você tem primeiro que se preocupar com essa situação. Não estamos acomodados, sabemos da dificuldade. Queremos fazer a pontuação necessária o mais rápido possível. Estamos atentos”, finalizou.


Share on Facebook