Apesar de vantagem, Jair prega cautela: "A gente tem que entrar focado"

Treinador do Botafogo diz que, mesmo com vantagem, a sua equipe tem que entrar focada na partida

Apesar de vantagem, Jair prega cautela: "A gente tem que entrar focado"
Vitor Silva/SS Press/Botafogo

Às vésperas da decisiva partida contra o Nacional, o Botafogo treinou na tarde da última quarta-feira (9) para fechar todos os detalhes para esse jogo. Após o coletivo, o treinador Jair Ventura falou o embate: "A gente tem uma pequena vantagem. Mas ela tem que ser pensada só nos minutos finais da partida. A gente tem que entrar focado, ligado. Você tem exemplos de várias equipes que sentam  no placar e acabam sofrendo gols e não conseguem reverter. A casa vai estar cheia, e eu espero dar alegria a nossa imensa torcida que estará presente amanhã.”

O comandante do Botafogo ainda falou sobre a motivação dos seus jogadores: "O positivo dos grandes jogos é que a parte motivacional você cada vez trabalha menos. A gente tem que buscar um equilíbrio. A gente sabe que disputar Libertadores é uma situação diferente. A gente tem ainda a Copa do Brasil e o Brasileiro, só nós e o Grêmio sabemos o que é isso. A gente sabe da responsabilidade. Fica a ansiedade na parte de todos, mas temos que buscar o equilíbrio.” 

Apesar do intervalo de praticamente um mês entre as duas partidas, Jair afirma que isso não será um problema para a sua equipe: "Não chega a atrapalhar. Faz parte. A gente tem que virar a chave rápido para as outras competições. Acho que poderia ser um problema se, por conta desse tempo todo, você perdesse algum jogador por lesão. Fora isso faz parte, é o calendário. A gente tem que saber se adequar a essa situação.” 

"Como eu falei, esses jogos eu costumo falar menos pois todos eles estão todos ligados, estão com a adenalina lá em cima. É por isso que é importante o equilíbrio para não passar do ponto. O nosso time por si só é muito competitivo e é importante terminar os jogos sem expulsão. Sabemos também das equipes que fazem catimba, do juiz que deixa o jogo correr mais um pouco e temos que tomar cuidado com essas situações.” - completou.

Além disso, Jair falou sobre a presença da torcida, que esgotou os ingressos e promete fazer uma linda festa: “Da torcida não precisa nem falar. Vai ter uma festa linda, nossa torcida vem dando show não só pro Brasil, mas pro mundo todo, com os mosaicos e as festas. Eu costumo dizer que são o décimo segundo jogador, quando falta um gás, tem que dar um carrinho, com o calor deles gritando a gente consegue isso. Fico feliz que os ingressos esgotaram e que a gente possa retribuir com uma bela vitória.”

Botafogo fecha parceria para próximos jogos

(Foto: Vitor Silva/SS Press/Botafogo)
(Foto: Vitor Silva/SS Press/Botafogo)

Além da coletiva de Jair, a manhã do Glorioso ficou fechada pela parceria com uma empresa para o próximo jogo contra o Nacional e as duas partidas contra o Flamengo pela Copa do Brasil. Trata-se da Cabify, um aplicativo espanhol de transportes.

Sobre o acerto, Márcio Padilha, vice-presidente de comunicação do clube, falou: “Esperamos que esse namoro vire casamento. O nosso orçamento sempre é feito de maneira ponderada, diferente da gestão anterior que colocou até o prêmio da Libertadores de 2014. Estamos com nosso plano praticamente cumprido com a chegada da "Caixa". Em termos de orçamento, está dentro do planejado mas o futebol consome muito dinheiro. Quanto mais tiver é importante. A gente acredita que nosso potencial de exposição de mídia é excelente, nossa audiência não fica devendo em nada a nenhum clube.”

Para comemorar o acerto, a empresa oferecerá um desconto para os torcedores. No jogo dessa quinta-feira (10), o torcedor que utilizar o código “VAMOSBOTAFOGO” terá 30% de desconto na sua corrida. Isso se repetirá no próximo domingo (13), contra o Grêmio com o código “PAIALVINEGRO” e nas duas partidas contra o Flamengo pela Copa do Brasil através do “SOUBOTAFOGO”.

Botafogo de Futebol e Regatas