Por Luiz Fernando, Vinícius Tanque e Fernandes são emprestados para Atlético-GO

Atletas, incluídos na negociação que levou Luiz Fernando para o Botafogo, serão emprestados para o Dragão por um ano

Por Luiz Fernando, Vinícius Tanque e Fernandes são emprestados para Atlético-GO
Foto: Vitor Silva/SS Press/Botafogo

Como parte da negociação que resultou na contratação de Luiz Fernando, o Botafogo cedeu dois jogadores, além de um pagamento em dinheiro, para o Atlético-GO. Esses atletas são o atacante Vinícius Tanque e o volante Fernandes, que são oriundos da base do clube de General Severiano e ocuparam, na maior parte do tempo, a equipe reserva em 2017.

Com a ajuda de investidores, o Botafogo adquiriu 50% dos direitos de Luiz Fernando, que ainda realizará exames médicos. Por outro lado, o Alvinegro irá ceder uma porcentagem dos direitos de Vinícius Tanque e Fernandes ao clube de Goiânia, que os terá até o final dessa temporada, por conta de um empréstimo. A negociação funciona, em partes, nos moldes da do Paysandu, que recebeu Victor Lindenberg e Renan Gorne, e do atacante Leandro Carvalho.

Após fazer parte de um dos elencos da Copa São Paulo de Futebol Júnior, Fernandes subiu para a equipe profissional em 2015, sendo uma peça bastante utilizada durante a campanha na segunda divisão do Campeonato Brasileiro. Nos anos seguintes, porém, não conseguiu engrenar uma sequência positiva – muito por conta de algumas lesões que sofreu – e ficou grande parte desse tempo como um jogador de elenco.

Vinícius Tanque teve o seu grande ano nas categorias de base em 2015, quando marcou 21 gols em 18 partidas. Fez parte do elenco que disputou a Série B, mas não jogou muitas vezes, sendo emprestado ao Volta Redonda no ano seguinte, onde também não conseguiu uma sequência. Em 2017, se tornou a principal opção para reserva da posição após o afastamento de Roger, tendo marcado o gol da vitória sobre a Chapecoense, pelo Campeonato Brasileiro.

Com pouco espaço e com uma relação não muito boa com parte da torcida, o empréstimo pode ser benéfico aos atletas, que terão mais tempo de jogo pela equipe do Dragão, que vai disputar a Série B do Campeonato Brasileiro em 2018.