Hugo marca três vezes e Luverdense goleia Bragantino em duelo direto contra Z-4

Atacante é o grande destaque com um hat-trick e leva o time a importante vitória por 4 a 0 para fugir das últimas colocações e abrir sete de vantagem para o Braga, 17º

Hugo marca três vezes e Luverdense goleia Bragantino em duelo direto contra Z-4
Mesmo com um a menos desde os 37, LEC alcançou goleada (Foto: Divulgação/Luverdense EC)
Luverdense
4 0
Bragantino
Luverdense: Diogo Silva; Raul, Luiz Otávio, Everton e Paulinho; Ricardo, Jean Patrick (Leandro, min. 85) e Macena (Raphael Silva, min. 46); Hugo, Sérgio Mota e Tozin (Lucas Baggio, min. 46). Técnico: Junior Rocha
Bragantino: Pablo; Alemão, Ednei (Tininho, min. 46), Rodrigo Sam e Bruno Pacheco; André Rocha, Gabriel Dias, Felipe Nunes (Léo Jaime, min. 46) e Erick (Matheus Rodrigues, min. 69); Gabriel Nunes e Eliandro. Técnico: Marcelo Veiga
Placar: 1-0, min. 08, Luiz Otávio. 2-0, min. 52, Hugo. 3-0, min. 55, Hugo. 4-0, min. 71, Hugo.
ÁRBITRO: Pablo Ramon Goncalves Pinheiro (RN) Cartões Amarelos: Luverdense: Paulinho (min. 33), Hugo (min. 53) Bragantino:Ednei (min. 29), Bruno Pacheco (min. 48), Rodrigo Sam (min. 71) Cartão Vermelho: Paulinho (min. 37)
INCIDENCIAS: Partida válida pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro Série B 2016

Nesse sábado (27), o estádio do Passo das Emas recebeu o confronto entre Luverdense e Bragantino pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro Série B 2016. Num jogo que era um claro duelo entre duas equipes que brigam na metade baixa da tabela, o time matogrossense levou a melhor goleando por 4 a 0 com gols de Luiz Otávio e Hugo (três vezes).

Com a vitória, o Luverdense chegou aos 28 pontos e ocupa agora 11ª colocação se afastando dos últimos lugares na tabela. Já o Braga parou nos 21 e agora é o 17º e primeiro na zona de rebaixamento, cinco atrás do Paraná, primeiro fora do Z-4.

Na próxima rodada o Luverdense visita o Avaí na terça-feira (30) às 19h15, na Ressacada. Já o Massa Bruta recebe no Nabi Abi Chedid o Brasil de Pelotas no mesmo dia, mas às 21h30.

Apesar de uma postura mais cautelosa em campo, quem teve a primeira oportunidade foi o Bragantino e aos seis minutos a bola sobrou limpa para Gabriel Nunes que finalizou, porém o chute desviou em Everton e foi pra fora. Aos oito minutos foi a vez do time visitante falhar na marcação e a pelota sobrou para Luiz Otávio, que soltou a bomba para abrir o placar para o Luverdense.

Logo na sequência, Bruno Pacheco cobrou falta direto na área, a zaga afastou mal e quase empatou o jogo mandando contra a própria meta. Aos 14 minutos, Jean Patrick bateu cruzado e ainda contou com desvio e forçou Pablo a defender mesmo caído e a mandar para escanteio. O time da casa seguiu melhor, e aos 23 em nova bomba de Jean Patrick, Pablo se esticou no canto para evitar o segundo gol.

Depois disso, aliada a expulsão do lateral Paulinho do Luverdense aos 37, os dois times passaram a tentar assimilar seus novos papeis em campo e o placar no intervalo ficou mesmo em 1 a 0 para o time de Lucas do Rio Verde.

Na volta para o segundo tempo, logo na primeira oportunidade, aos sete minutos, cruzamento de Raul Prata para o meio onde estava Hugo, que se antecipou e de carrinho dobrou a vantagem do LEC. Aos 10, André Rocha recuou para Pablo que furou de forma bizarra e a pelota sobrou para Hugo que só completou pro gol para fazer 3 a 0, mesmo com um homem a menos.

O Massa Bruta sentiu o golpe e demorou a incomodar novamente, até que aos 23 minutos Erick cruzou rasteiro e Eliandro desviou e a bola passou rente a trave. Três minutos depois porém veio um balde de água fria, Hugo cobrou pênalti deslocando bem o goleiro e fazendo o seu terceiro tento no jogo, o quarto do Luverdense.

Depois disso, o jogo como um todo perdeu em interesse e as duas equipes já sabiam que o placar estava consolidado, com isso o jogo seguiu mesmo com a vitória sem problemas do Luverdense por 4 a 0.