Caio Júnior afirma que Chapecoense sai de cabeça erguida da Copa do Brasil

A Chapecoense foi eliminada da Copa do Brasil pelo Atlético-PR, mas garante vaga na Sul-Americana

Caio Júnior afirma que Chapecoense sai de cabeça erguida da Copa do Brasil
(Foto:Divulgação/Chapecoense)

Na noite desta quarta-feira (27) a Chapecoense recebeu, na Arena Condá, o Atlético-PR, onde empataram em 1 a 1 com gols de Lucas Gomes para a Chape e Walter para o Furacão, o que fez a 'ChapeTerror' ser eliminada da Copa do Brasil 2016. Mesmo com a eliminação, a Chapecoense deixou a competição com o time invicto, sem ter perdido uma partida em tempo normal. E ainda conseguiu se garantir da Sul-Americana 2016.

O técnico Caio Júnior elogia o time e diz que saíram de cabeça erguida: "Saímos da competição, mas não perdemos, saímos de cabeça erguida. Estou feliz com o grupo que eu tenho. Saímos da Copa, mas entramos na Sul-Americana por mérito dos jogadores. Agora vamos seguir em uma competição que eles já têm experiência."

Cléber Santana, meia do time, declarou após a partida o seu lamento e agradeceu a torcida: "Infelizmente eles fizeram o gol, mas o mais importante é que a equipe foi aguerrida, não desistimos e a torcida puxou a gente o tempo todo, estão de parabéns. Agora é descansar que tem mais."

O autor do gol da Chape, Lucas Gomes, também se lamentou, mas agora está focado no Campeonato Brasileiro: "É difícil, a gente sabe que é difícil. Conseguimos sair na frente, tomamos o empate, sabíamos que eles buscariam a vitória, mas é isso daí, Copa do Brasil é isso. Sabemos que gol fora de casa vale por dois, infelizmente aconteceu, mas vamos seguir, temos um jogo importante no brasileiro agora."

Rafael Lima foca no próximo jogo do Verdão: "Foi um bom jogo, sabíamos das dificuldades. O importante que fica é esse sentimento do torcedor, reconhecendo que nossa equipe em momento nenhum se omitiu. Não conseguimos e agora é pensar no São Paulo. É seguir em frente e focar no próximo jogo."