Atlético Nacional pede à Conmebol que título da Sul-Americana seja dado à Chapecoense

Em solidariedade à tragédia envolvendo delegação dos catarinenses, equipe colombiana abriu mão do título

Atlético Nacional pede à Conmebol que título da Sul-Americana seja dado à Chapecoense
Foto: Divulgação/Atlético Nacional

O Atlético Nacional, equipe que disputaria a final da Sul-Americana com a Chapecoense, enviou um comunicado para a Conmebol (Confederação Sul-Americana de Futebol) oficializando um pedido para que o título do torneio seja entregue ao clube alviverde.

Depois de preocuparmo-nos com a parte humana, pensamos no aspecto competitivo e queremos publicar este comunicado onde o Atlético Nacional convida a Conmebol a entregar o título da Copa Sul-Americana à Associação Chapecoense de Futebol como louro honorário à sua grande perda e em homenagens póstumas às vítimas fatais do acidente, que enluta nosso esporte. De nossa parte e para sempre, Chapecoense é campeã da Copa Sul-Americana 2016”, disse o clube, em comunicado oficial publicado no seu site.

Clubes brasileiros encaminham medidas à CBF em apoio ao time catarinense

Na manhã desta terça-feira (29), o lateral do time colombiano, Gilberto Garcia, já havia concedido uma entrevista ao canal Win Sports, onde demonstrou o desejo de toda a equipe em declarar o time catarinense campeão. A tragédia envolvendo a delegação da Chapecoense vitimou jogadores e a comissão técnica da equipe, além de jornalistas e alguns convidados a bordo. Ao todo 75 pessoas morreram e seis sobreviveram.

"O professor nos disse para dar muito valor a vida, para que fizéssemos uma reflexão, para que entendêssemos isso como um aviso de Deus para seguir melhorando em nossa vida pessoal. [...] Esperamos que a Conmebol decida. Nós queremos que declarem esta equipe como campeã. Conversamos entre nós. Não é uma decisão nossa,  é do mundo do futebol. Esperamos que a Conmebol tome esta decisão", disse Gilberto.

A Conmebol ainda não se pronunciou oficialmente sobre o título ser entregue à Chapecoense. Se isso ocorrer, os catarinenses conseguem classificação direta para a fase de grupos da Libertadores de 2017, além de vaga na Recopa Sul-Americana para disputar o título com o próprio Atlético Nacional, atual campeão da Libertadores. A Conmebol soltou uma nota se solidarizando ao ocorrido e suspendendo os jogos da Sul-Americana, cuja primeira partida aconteceria nesta quarta (30).

"A Confederação Sul-Americana de Futebol confirma que foi notificada por autoridades colombianas de que o avião em que viajava a delegação da Chapecoense do Brasil sofreu um acidente em sua chegada à Colômbia. Estamos em contato com as autoridades e à espera de avanços oficiais. A família Conmebol lamenta enormemente o ocorrido.Todas as atividades da Confederação ficam suspensas até novo aviso. O presidente Alejandro Domínguez neste momento está em deslocamento a Medellín", informou a Conmebol, em comunicado oficial.

Veja a nota publicada pelo Atlético Nacional na íntegra

"El dolor embarga rotundamente nuestros corazones e invade de luto nuestro pensamiento. Han sido horas lamentables en las que hemos estado consternados con una noticia que nunca quisimos haber escuchado. El accidente de nuestros hermanos del fútbol de Chapecoense nos marcará de por vida y desde ya dejará una huella imborrable en el fútbol latinoamericano y mundial. Todo esto ha sido completamente inesperado, por eso el dolor. Se trataban todos ellos, futbolistas, Cuerpo Técnico, periodistas y tripulación, de personas con muchos sueños, por eso el llanto.
 
El lamento mundial se ha hecho extensivo también a toda la familia Verdolaga quienes desde sus patrocinadores, su Junta Directiva, su Cuerpo Técnico, sus jugadores, su parte administrativa y su afición, han manifestado el desconsuelo y la desazón por lo absurdo. La solidaridad no se hizo esperar y de nuestra parte acompañamos de forma rotunda el padecimiento de todos los hermanos que nos abandonaron quienes junto a sus familiares y nosotros, compartíamos una ilusión grande de ser campeones continentales de la Copa Sudamericana.
 
Luego de estar muy preocupados por la parte humana pensamos en el aspecto competitivo y queremos publicar este comunicado en donde Atlético Nacional invita a Conmebol a que el título de la Copa Sudamericana le sea entregado a la Associacao Chapecoense de Futebol como laurel honorífico a su gran pérdida y en homenaje póstumo a las víctimas del fatal accidente que enluta nuestro deporte. De nuestra parte, y para siempre, Chapecoense Campeón de la Copa Sudamericana 2016
".