Barcelona e brasileiros no Joan Gamper: retrospecto positivo para a equipe catalã

Em dez jogos diante de equipes brasileiras, o Barcelona venceu oito confrontos no torneio

Barcelona e brasileiros no Joan Gamper: retrospecto positivo para a equipe catalã
Foto: Hugo Alves/Editoria de Arte VAVEL Brasil

O Barcelona é um dos clubes mais conhecidos e renomados do futebol mundial. Com passagens de craques como Ronaldinho Gaúcho, Henry e Ronaldo, o Fenômeno, a equipe Catalã se tornou vitrine para grandes jogadores e sonhos almejados por novos atletas do futebol. Tendo, hodiernamente, Lionel Messi como camisa 10 e referência mundial, o Barça encanta jovens e adultos com seu bom futebol.

O clube catalão é acompanhado com veemência e reproduzido por crianças seja com a camisa bicolor ou em jogos de vídeo game. E, uma vez por ano, jovens e renomados jogadores têm oportunidade de disputar uma partida amistosa contra a grande equipe estrelada pelo Troféu Joan Gamper.

O Troféu Joan Gamper é um torneio internacional amistoso realizado anualmente na Catalunha, em Barcelona. Organizado sempre na segunda semana do mês de agosto pelo Barça, a competição leva o nome em homenagem ao seu fundador, o suíço Hans-Max Gamper Haessig, que, na Catalunha, ficou conhecido como Joan Gamper.

De 1966 a 1996, o torneio era disputado por 4 clubes, em sistema eliminatório de confrontos simples, com disputas de pênaltis em caso de empate. A partir de 1997, com a diminuição do número de datas disponíveis para os clubes europeus, o torneio passou a ser disputado por apenas duas equipes, em um único jogo, sempre do Barcelona contra um convidado, que varia a cada ano.

Em 2017, o Barcelona tem como convidado a Chapecoense. Após o trágico acidente de Medelín que vitimou 71 pessoas entre atletas e dirigentes, a equipe de Santa Catarina ficou mundialmente conhecida e recebeu diversas manifestações de solidariedade. Sendo assim, o Barcelona, por sua vez, convidou o Verdão do Oeste para a realização do Troféu Joan Gamper, em partida que será realizada nesta segunda-feira (7), no Camp Nou.

Há mais de cinquenta anos realizando o torneio, o Barcelona já enfrentou equipes brasileiras por dez vezes, tendo aproveitamento de 80%, com oito vitórias, um empate e uma derrota obtida. Confira a lista de jogos abaixo:

22/08/1968 - Barcelona 5 x 4 Flamengo - Camp Nou 
23/08/1972 - Barcelona 0 x 0 Vasco - Camp Nou
23/08/1978 - Barcelona 3 x 2 Botafogo - Camp Nou 
20/08/1980 - Barcelona 2 x 1 Vasco - Camp Nou 
18/08/1981 - Barcelona 1 x 0 Vasco - Camp Nou
18/08/1981 - Barcelona 1 x 0 Vasco - Camp Nou
24/08/1982 - Barcelona 0 (1) x (4) 0 Internacional 
23/08/1989 - Barcelona 1 x 0 Internacional - Camp Nou
25/08/1998 - Barcelona 2 (5) x (4) 2 Santos - Camp Nou 
02/08/2013 - Barcelona 8 x 0 Santos - Camp Nou

Internacional: única equipe brasileira a derrotar o Barcelona no Troféu Joan Gamper 

Em 1982, ainda realizado em caráter de eliminatórias, o quadrangular foi disputado com os cruzamentos de Barcelona x Internacional e Colônia x Manchester City decidindo quais equipes disputariam a final. Na partida diante do Colorado, a equipe anfitriã levou mais de cem mil torcedores ao Camp Nou. Com uma torcida muito empolgada, o Barcelona, naquele dia, apresentava Diego Maradona com uma grande festa.

O Barcelona, comandado por Udo Lattek, entrou em campo com: Artola, Gerardo, Migueli, Alexanco, Julio Alberto, Vitor, Esteban, Alonso, Quini, Maradona e Carrasco. E o Internacional, treinado por Ernesto Guedes, entrou com: Benítez, Edvaldo, Mauro Pastor, André Luís, Beretta, Ademir Kaefer, Paulo Cezar, Mauro Galvão, Ruben Paz, Cléo e Silvinho.

Fonte: Estudis del FC Barcelona
Foto: Reprodução/Estudis del FC Barcelona

Mas os mais de cem mil catalães ficaram insatisfeitos com a boa marcação dos gaúchos, fazendo com que a partida terminasse sem gols e fosse decidida nos pênaltis. Nas cobranças de penalidade máxima, melhor para o Colorado, que venceu por  4 a 1, com gols de Ruben Paz, Andrezinho, Ademir Kaefer e André Luiz.

Apenas o Maradona conseguiu converter um pênalti pela equipe catalã. Logo mais, na final do torneio, o Internacional venceu o Manchester City e sagrou-se campeão do Troféu Joam Gamper de 1982. Ademais, quis o destino que o mesmo Colorado batesse o mesmo Barcelona, no mesmo Camp Nou 24 anos depois, pelo Mundial de Clubes. 

Associação Chapecoense de Futebol