Após divergências com presidente, Edu Ferreira não é mais diretor de futebol do Corinthians

Dirigente, que ocupava posto desde 2015, se desligou da função após ser contrário à decisão de Roberto de Andrade em contratar Oswaldo de Oliveira para ser treinador do Timão

Após divergências com presidente, Edu Ferreira não é mais diretor de futebol do Corinthians
Foto: Daniel Augusto Jr/ Agência Corinthians

Os problemas vividos no Corinthians parecem longe de acabar. Nem a vitória por 4 a 2 pra cima do Santa Cruz aliviou a situação interna vivida pela diretoria alvinegra e mais um episódio eclodiu nessa sexta-feira.

Agora foi a vez de Eduardo Ferreira, diretor-adjunto de futebol, se desligar da diretoria corinthiana após o cartola não ser consultado sobre a contratação do técnico Oswaldo de Oliveira, provável novo comandante. Escolha meramente do presidente Roberto de Andrade, o treinador ainda espera para ser anunciado oficialmente.

Integrante da Gaviões da Fiel, principal torcida organizada do clube e do país, Edu entrou na função mais importante do futebol no ano passado e viu de perto a campanha histórica do hexa alvinegro. Mas desde então, não consegue bons reforços e era alvo constante de críticas.

A postura do presidente irritou Edu, que já não vinha em paz também com a torcida, que enxerga nele um dos culpados pela debandada de jogadores recentemente. O Timão passou por vários desmanches em 2016 e a postura do presidente é de aperto nas contas para um 2017 mais tranquilo.

O desligamento já era previsto. Edu é da ala do ex-presidente Andrés Sanchez, que ainda tem voz ativa dentro do clube e é contrário à chegada de Oswaldo. O preferido de Andrés é Eduardo Baptista, hoje na Ponte Preta.

Essa crise interna ainda parece longe de acabar. Alessandro, ex-coordenador da base é que ocupa também o cargo na equipe principal, é outro que pode se desligar caso as brigas continuem. Nomes ainda não são especulados e há até a chance de um impeachment de Roberto no fim do ano, caso aja uma articulação política mais forte. O Corinthians é o oitavo colocado e segue firme na briga pelo G6 e tem boa sorte chances de chegar na semifinal da Copa do Brasil. 

Sem diretor de futebol nesse instante e ainda sem anunciar Oswaldo, o Corinthians segue sua preparação para encarar o América MG, domingo, na Arena em Itaquera. Fábio Carille ainda comanda os treinamentos, mas sem saber se será o técnico na partida.