Corinthians envolve restante dos direitos de Malcom e se acerta com Bordeaux por Pablo

Corinthians irá pagar R$ 4,4 milhões e ceder os 15% dos direitos do atacante Malcom vendido para time francês em 2016

Corinthians envolve restante dos direitos de Malcom e se acerta com Bordeaux por Pablo
Foto: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

A permanência do zagueiro Pablo está sacramentada. Na tarde desta terça-feira (25), Corinthians se acertou com o Bordeaux, da França. O Timão irá pagar R$ 4,4 milhões e ceder o seus 15% dos direitos do atacante Malcom, de 20 anos, vendido ao clube francês por 5 milhões de euros na temporada passada. Pablo fica até 2021 no clube do Parque São Jorge.

Pablo chegou no inicio de 2017 e resolveu os problemas defensivos que o Corinthians apresentava no ano passado. Nas graças da torcida o defensor de 26 anos via seu futuro incerto até mês passado. As primeiras tratativas entre Corinthians e Bordeaux para a contratação de Pablo não avançaram, pois o clube europeu pedia 3 milhões deu euros (cerca de R$ 11 milhões de reais) e o time paulista em situação financeira delicada buscava alternativas para fazer o negocio. 

Houve então um interesse francês pelo lateral-esquerdo Guilherme Arana, negócio que não agradava nenhum pouco a diretoria corintiana. A saída para o imbróglio foi envolver o atacante Malcom, que há um ano atua no clube francês. O Corinthians abriu mão dos 15% dos direitos econômicos que detinha sobre o jogador e pagará R$ 4,4 milhões que só começam a ser pagos em Abril de 2018.

Até a próxima semana os clubes devem acertar oficialmente a negociação. Pablo com um estiramento na coxa deve ficar afastado dos gramados por cerca de cinco semanas e não enfrenta o Patriotas pela partida de volta da Sul-Americana nesta quarta-feira (26).