Redenção de Cássio: de potencial reserva a convocado pela Seleção Brasileira

Baixo rendimento em 2016 deixaria o camisa 12 no banco de reservas durante a temporada, mas lesão de Walter e atuações muito boas renderam ao arqueiro ser chamado por Tite para defender a Amarelinha

Redenção de Cássio: de potencial reserva a convocado pela Seleção Brasileira
Foto: Rodrigo Rodrigues|VAVEL Brasil

Contratado em 2011 pelo Corinthians, Cássio chegou como um goleiro para compor elenco. Porém, a sua história recheada de glórias e participação importantíssima nelas começou a ser escrita a partir das oitavas de final da Taça Libertadores da América em 2012. Com importantes defesas que garantiram resultados positivos e títulos, Cássio se tornou um dos goleiros mais importantes do Timão em toda a história.

Porém, a temporada 2016 muito abaixo da boa crítica refletiu no goleiro. As atuações não foram as mesmas, alguns momentos de insatisfação foram evidenciados. Tanto que o técnico Fábio Carille declarou que Walter seria o titular no início das jornadas. Porém, por causa da lesão de Walter que o tirou dos gramados por meses, Cássio teve a oportunidade de permanecer na meta alvinegra em 2017. E o resultado foi satisfatório.

Até o momento, foram 64 jogos disputados neste ano com a camisa do clube, três penalidades máximas defendidas e a melhor defesa do Campeonato Brasileiro mais uma vez. Campeão nacional em 2015, Cássio fez valer novamente a máxima de que um time forte e vencedor começa com um bom atleta na meta.

O bom desempenho no Alvinegro de Parque São Jorge foi reconhecido além da esfera alvinegra. Cássio foi convocado por Tite para a Seleção Brasileira. O jogador fez parte dos últimos jogos da Amarelinha nas Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo 2018 e disputou sua primeira partida como titular no amistoso contra o Japão, vencido pelo Brasil por 3 a 1.

O goleiro titular na maior parte do ano não esteve presente na partida que garantiu o heptacampeonato nacional ao Timão justamente por estar entre os selecionáveis, mas o seu nome vai estar presente em mais uma conquista do Corinthians. Com isso, Cássio se faz presente mais uma vez em um ano glorioso para o clube, com duas conquistas em 2017. Além disso, o camisa 12 faz parte de um momento que o time se torna o maior vencedor do Campeonato Brasileiro em sua era moderna e no maior vencedor da principal competição do país no formato de pontos corridos.