Personagem em jogo decisivo, Jadson destaca empenho do grupo: "Todos são merecedores"

Camisa 10 entrou no segundo tempo e foi completamente participativo em vitória do Corinthians diante do Fluminense

Personagem em jogo decisivo, Jadson destaca empenho do grupo: "Todos são merecedores"
Foto: Divulgação|Agência Corinthians

No duelo contra o Fluminense, o Corinthians saiu atrás no marcador e ficou em desvantagem no primeiro tempo. No intervalo, o técnico Fábio Carile promoveu a entrada de Jadson no lugar de Camacho. Não precisou de muito tempo para o camisa 10 mostrar o porquê de ter entrado em campo. Nos primeiros três minutos da etapa complementar, virou o jogo, deu tranquilidade ao Timão, que pôde sacramentar a vitória que garantiu o heptacampeonato brasileiro com gol assinalado pelo próprio Jadson nos minutos finais da partida. A vitória por 3 a 1 garantiu a festa alvinegra.

+ Mortal no segundo tempo, Corinthians vira sobre Fluminense e conquista heptacampeonato brasileiro

+ Veja toda a cobertura especial da VAVEL Brasil no heptacampeonato do Corinthians

Em meio às comemorações, o meio-campista e um dos atletas mais experientes do grupo falou sobre a conquista do título brasileiro. O jogador destacou a emoção de estar presente em mais um troféu, o segundo no ano de 2017.

“É uma emoção muito grande. Todos daqui são merecedores pelas críticas que tivemos. Nossa vida é feita de altos e baixos e precisamos saber lidar com isso. Fico feliz mais uma vez de estar aqui sendo campeão pelo Corinthians. O grupo está de parabéns, a comissão técnica e principalmente os torcedores que nos apoiaram. Parabéns ao Corinthians”, disse Jadson.

Foto: Divulgação|Agência Corinthians
Foto: Divulgação|Agência Corinthians

Outro que comentou o heptacampeonato brasileiro do Timão foi o zagueiro Pablo. Um dos pilares da defesa corinthiana e um dos melhores da posição no futebol brasileiro, o defensor destacou o fato de ser campeão em sua primeira temporada pelo clube e espera que a renovação contratual seja acertada.

“Estou muito feliz, muito contente, com meu ano e o do Corinthians, ano perfeito. Ser campeão brasileiro é muito bom e, pelo Corinthians, é ainda melhor. Estou muito feliz com o meu ano, com o ano do Corinthians. Devo isso ao grupo, à comissão técnica, ao departamento médico, ao pessoal da cozinha. O Corinthians é um grupo. Sempre disse que quero ficar aqui. As chances de ficar aqui são muito grandes”, explicou o camisa 3.

Foto: Divulgação|Agência Corinthians
Foto: Divulgação|Agência Corinthians

Revelado nas categorias de base do clube, Fagner teve uma experiência internacional e voltou ao Timão e faz parte de um elenco que escreveu seu nome dentre os jogadores históricos do Alvinegro do Parque São Jorge. Ao falar sobre o título, o lateral-direito destacou o trabalho quieto e tranquilo feito durante todo o ano. Segundo ele, por causa disso, os troféus do Paulistão e do Brasileirão foram conquistados em 2017.

“É um ano maravilhoso. Quietinho, trabalhando, começamos o ano desacreditado, mas fizemos o primeiro turno como fizemos, oscilamos um pouco no segundo, e tivemos força, brio muito grande para dar a arrancada final para o título. Estamos de parabéns. O título por si só já é explicativo. Coroa um trabalho muito bem feito, uma equipe que escutou e engoliu muita coisa, mesmo quando estava ganhando. Tomamos muita porrada e seguimos em frente. Agora é comemorar”, declarou Fagner.