Corinthians enfrenta Ferroviária para se firmar no Campeonato Paulista

Após a goleada na última rodada, o Corinthians terá mais uma vez a torcida a seu favor para conquistar um resultado positivo. Já a Ferroviária tentará a sua primeira vitória no Campeonato Paulista

Corinthians enfrenta Ferroviária para se firmar no Campeonato Paulista
Momento em que o técnico Carille dá instruções para a equipe titular que enfrentará a Ferroviária (Foto: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians)
Corinthians
Ferroviária
Corinthians: CÁSSIO; FAGNER, BALBUENA, PEDRO HENRIQUE E JUNINHO CAPIXABA; GABRIEL, MARQUINHOS GABRIEL, MATEUS VITAL, MAYCON E PEDRINHO; JÚNIOR DUTRA. TÉCNICO: FÁBIO CARILLE
Ferroviária: FERROVIÁRIA: TADEU; ALISSON, LUAN, ÉLTON E DANIEL VANÇAN; BRUNO SILVA, ÍKARO E ELVIS; WELLINTON JÚNIOR, LÉO CASTRO E HYGOR. TÉCNICO: PC DE OLIVEIRA
ÁRBITRO: ADRIANO DE ASSIS MIRANDO QUE SERÁ AUXILIADO POR HERMAN BRUMEL VANI E MAURO ANDRÉ DE FREITAS.
INCIDENCIAS: PARTIDA VÁLIDA PELA 3ª RODADA DO CAMPEONATO PAULISTA DE 2018, EM SÃO PAULO, NO ESTÁDIO PAULO MACHADO DE CARVALHO PACAEMBU, ÀS 19H30.

Nesta quarta-feira (24), o Corinthians receberá a Ferroviária, às 19h30, no Pacaembu, local em que o Timão goleou o São Caetano por 4 a 0 na segunda rodada do Campeonato Paulista. A Ferrinha que será o visitante, empatou na última rodada por 1 a 1 com o Ituano, atuando como mandante no Estádio Fonte Luminosa.

O último confronto entre as equipes foi no Campeonato Paulista de 2017. Naquela ocasião, a Ferroviária era mandante e ganhou por 1 a 0, no dia 19 de março, com gol do ex-corinthiano Alan Mineiro, que confirmou a “Lei do ex”. É interessante constar que a Ferrinha foi um dos poucos times que derrotara o Corinthians na temporada passada, já que o clube do Parque São Jorge perdeu apenas 10 partidas.

Para o 80º confronto da história, a arbitragem será de Adriano de Assis Miranda. Ele será auxiliado por Herman Brumel Vani e Mauro André de Freitas. Nas outras 79 oportunidades, o Alvinegro leva vantagem com 46 vitórias contra 15 triunfos da Ferriviária. Os outros 18 confrontos acabaram terminando empatados.

Com cinco mudanças, Carille escala time misto

Em treino realizado na última terça-feira (23), no CT Joaquim Grava, Carille manteve a formação no 4-1-4-1. Porém, fez algumas alterações para testar alguns jogadores considerados reservas. Com isso, realizou cinco mudanças no meio de campo e ataque da equipe que enfrentará a Ferroviária.

No meio de campo, o técnico do Timão treinou com Maycon e Mateus Vital que fará sua estreia com a camisa do Corinthians. Pela ponta direita, Marquinhos Gabriel ficou com a vaga. Já pela esquerda, o jovem Pedrinho ganhará chance para demonstrar o seu potencial. Autor de um dos gols contra o São Caetano, Júnior Dutra será titular para provar que merece ser titular no lugar do Kazim.

Com relação aos titulares Romero, Rodriguinho, Jadson, Clayson e Kazim: serão poupados, sendo que Rodriguinho nem foi relacionado para este jogo. Além do camisa 26, outros desfalques são Paulo Roberto e Renê Júnior, devido à fortalecimento muscular. Com relação às novidades teremos provável estreia  de Mateus Vital e a presença de Danilo na lista dos jogadores relacionados.

Com uma vitória e uma derrota, o Corinthians somou 3 pontos em dois jogos e está na terceira colocação do grupo A. Logo, uma vitória contra a Ferroviária é essencial para chegar perto ou ultrapassar Bragantino e Ituano, com possuem 6 e 4 pontos, respectivamente.

n
Mateus Vital fará a sua estreia com a camisa do Timão (Foto: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians)

Ferroviária busca a sua primeira vitória no Paulistão

Após empatar os dois primeiros jogos, a Ferroviária busca a sua vitória no Campeonato Paulista, já que é o lanterna do Grupo C que conta com São Bento, Novorizontino e Palmeiras. O zagueiro Luan demonstrou a importância desse jogo contra o Corinthians, em entrevista coletiva, realizada na última terça-feira (23): É um jogo importante. Sabemos da dificuldade que vamos enfrentar em São Paulo, mas daremos nosso melhor para buscar a vitória".

Com relação ao time escalado será o mesmo que atuou na última rodada. A torcida da Ferroviária pediu a entrada de Velicka no time titular, mas PC de Oliveira não atendeu o pedido e também manteve a formação 4-3-3. Ao manter esse esquema tático os meias Ikaro e Élvis ganham mais liberdade no meio de campo.

Quando perguntado sobre a questão tática do duelo entre Timão e Ferrinha, PC de Oliveira ressaltou: “O Corinthians fez com que o Brasil passasse a falar sobre organização defensiva desde o ano passado. Porque a construção de uma equipe que no começo do ano passado não se valorizava muito o conteúdo, passou a se valorizar pelo trabalho feito pelo Carille e passou a ser modelo nacional. A nossa equipe, procuramos  percorrer dentro do nosso tamanho, mesmo caminho: construir a defesa , ter organização defensiva e aos poucos melhorando a sua construção”.

Uma das novidades da Locomotiva é que cinco jogadores da equipe sub-20 foram integrados ontem (23) ao elenco profissional. Os zagueiros Jordan e Maycon, os meios Pedro do Rio e Rafinha e o atacante Luís Henrique que foi artilheiro da Ferroviária, com seis gols, na Copa São Paulo de Futebol Júnior.

(Divulgação / Site da Ferroviária)
Elenco da Locomotiva que disputou a Copa SP Júnior 2018 (Foto: Divulgação / Site da Ferroviária)