Criciúma empata com São Caetano e garante classificação para próxima fase

Equipes ficaram no empate em 1 a 1 na noite desta quarta-feira (7), o placar beneficiou o time catarinense, que ficou com a vaga à segunda fase da Copa do Brasil

Criciúma empata com São Caetano e garante classificação para próxima fase
Foto:  Adriano Stofaleti/AD São Caetano
São Caetano
1 1
Criciúma
São Caetano: Helton Leite; Pedro (Marlon), Max, Sandoval e Lucas Pavone; Cristian (Régis), Esley, Diego Rosa e Chiquinho; Rafael Costa (Niltinho) e Carlão. Técnico: Pintado.
Criciúma: Luiz; Carlos Eduardo, Sandro, Nino e Andrew; Barreto, Jean Mangabeira, Douglas Moreira e Elvis (Wallacer); Mailson e João Paulo (Luís Fernando). Técnico: Grizzo.
Placar: 0-1, Mailson. 1-1, Rafael Costa.
ÁRBITRO: Leandro Pedro Vuaden auxiliado por Lúcio Beiersdorf Flor e Maurício Coelho Silva Penna.
INCIDENCIAS: Partida válida pela primeira fase da Copa do Brasil, realizada no estádio Anacleto Campanella.

Em partida válida primeira fase da Copa do Brasil, o São Caetano recebeu o Criciúma na noite desta quarta-feira (7). Com um gol para cada lado, e o placar de 1 a 1, os visitantes levaram a melhor, já que tinham a vantagem da igualdade, ficando com a vaga na próxima fase da competição.

Comandada pelo técnico interino Grizzo, a equipe catarinense saiu na frente, com gol de Mailson, ainda na primeira etapa. Os donos da casa igualaram o placar no tempo final, com Rafael Costa.

Pelo lado do Azulão, a noite marcou a estreia do técnico Pintado. Essa é a terceira passagem do comandante pela equipe, que volta a campo no sábado (10), às 19 horas, contra o RB Brasil, pelo Campeonato Paulista.

Na próxima fase da Copa do Brasil, o Criciúma enfrenta o Cianorte, que bateu o ABC por 2 a 0. A equipe catarinense também volta a campo no sábado, pelo Campeonato Catarinense, para enfrentar o Inter de Lages, às 19 horas.

Equipe visitante é melhor e sai na frente 

A saída de bola foi da equipe do São Caetano no Anacleto Campanella. A partida começou com o time da casa tomando a iniciativa, mas logo o Criciúma começou a ficar com a bola e procurar espaços parar ir ao ataque.

Aos 10 minutos de jogo, o Tigre abriu o placar. João Paulo passou para Mailson, que recebeu dentro da área, deixou o goleiro Helton Leite para trás e tocou pro fundo do gol, colocando seu time na frente.

Chegada a metade da primeira etapa, o Azulão passou a ter mais posse de bola, mas a equipe ainda tinha dificuldades na criação. Aos 28, Régis arriscou e mandou a bola quase do meio de campo, mas passou longe do gol de Luiz.

Apesar do time da casa ter maior posse de bola, era o Criciúma que tinha o controle do jogo. Aos 39, Elvis recebeu de Andrew e chutou em direção ao gol, a bola passou perto da meta do goleiro Helton Leite.

Só na reta final da primeira etapa o São Caetano chegou com perigo. Aos 43, Chiquinho arriscou de primeira dentro da área, mandando perto do gol. Logo em seguida, aos 46, Régis aproveitou que estava livre de marcação no cruzamento de Chiquinho e cabeceou, mas a bola foi para fora, em boa oportunidade da equipe da casa.

Azulão pressiona em busca da virada, mas não para no empate

A segunda etapa iniciou com o Criciúma levando perigo. Em cobrança de falta, Elvis lançou na área e Nino cabeceou, fazendo com que a bola passasse perto do gol do Azulão. Na resposta, o São Caetano tirou a vantagem do time visitante. Rafael Costa recebeu na área e mandou para o fundo do gol, deixando tudo igual no Anacleto Campanella.

Aos 15, era o Tigre que tinha maior presença ofensiva em campo. O placar, até então estava a favor dos visitantes, que com o empate estavam garantindo a classificação para a próxima fase da competição.

Precisando virar o jogo para ficar com a vaga, o São Caetano foi para cima. Aos 33, Niltinho fez boa cobrança de falta, por pouco a bola não entrou no ângulo. Enquanto o Azulão mandava a bola na área em busca do gol, a defesa do Criciúma estava atenta para afastar.

Na reta final, com a pressão do Azulão, o Criciúma passou a se defender para não perder a classificação. A equipe da casa foi toda para frente, procurando oportunidades na bola aérea.

Nos últimos minutos de bola rolando só deu São Caetano no ataque, mas a bola não entrou. O placar igual para os dois lados favoreceu a equipe catarinense, que garantiu a classificação para a próxima fase da Copa do Brasil.