Emprestado pelo Palmeiras, Robinho visa boa fase no Cruzeiro: "Espero fazer gols"

Meio-campo rejeita rótulo de 'camisa 10 clássico' e espera contribuir na ascensão do futebol de Arrascaeta, seu companheiro de setor; camisa 19 está liberado para enfrentar o Campinense

Emprestado pelo Palmeiras, Robinho visa boa fase no Cruzeiro: "Espero fazer gols"
Robinho espera estrear com gols pelo Cruzeiro (Foto: Matheus Adler/VAVEL Brasil)

Chega Lucas e Robinho no Cruzeiro, enquanto Fabrício e Fabiano vão para o Palmeiras. Afinal, quem levou a melhor na negociação 'relâmpago' envolvendo as duas equipes? Na apresentação oficial da dupla oriunda da equipe alviverde, nesta segunda-feira (2), na Toca da Raposa II, Robinho exaltou as peças cedidas pelo clube celeste aos paulistas, mas espera que os mineiros levem 'vantagem' no acordo.

"As duas equipes ganharam dois grandes jogadores. Foram dois laterais para o Palmeiras que fazem outras funções e que vão ajudar muito o time, tenho certeza disso. Eu e o Lucas estamos aqui para ajudar, vamos dar a vida aqui, assim como eles darão a vida em São Paulo. Espero que o Cruzeiro possa ter se saído melhor nessa negociação", declarou o meio-campo.

Polivalente, Robinho atua onde o treinador pede, seja centralizado, nas pontas, ou de segundo volante. Mesmo sendo um jogador técnico, o meio-campista não quer ser rotulado como um 'camisa 10 clássico' e se classificou como dinâmico, além de veloz. Além de contribuir para o time, o atleta espera, sobretudo, ajudar na ascensão do 'legítimo' dez celeste, Arrascaeta.

"Sou esse jogador técnico, venho acrescentar muito nesse meio-campo do Cruzeiro. Estou preparado e muito feliz. Não sou camisa 10 clássico, mas sim muito dinâmico e de velocidade. Há grandes jogadores aqui. Sobre o De Arrascaeta, por exemplo, acho que posso ajudá-lo muito no crescimento de seu futebol", afirmou Robinho.

O meio-campo, que aguardava uma resposta da CBF sobre punição sofrida por duas partidas após ser expulso em uma partida do Campeonato Brasileiro da temporada passada, obteve autorização da entidade para entrar em campo diante do Campinense, na quinta-feira (5), pela partida de volta da primeira fase da Copa do Brasil e agora aguarda apenas que seu nome seja publicado no Boletim Informativo Diário (BID). Agora, o camisa 19 pensa em estrear balançando as redes.

“Seria espetacular, não teria estreia melhor. Os dois trabalhos que nós fizemos aqui com o professor Delamore foram sensacionais. Fazia tempo que eu não tive um treinamento com pegada, marcação, de chegada no ataque. Vejo que estão todos querendo resultado. Os atacantes estão aprimorando cada vez mais nos trabalhos de finalização. Tenho certeza que quinta-feira será um grande jogo”, observou o jogador.

No Palmeiras, Robinho acirrou ainda mais a rivalidade com o São Paulo, marcando dois belos gols contra Rogério Ceni, em duas partidas diferentes. Em Minas, onde encontrará o Atlético-MG como arquirrival, o meio-campo espera continuar marcando tentos, mesmo sabendo da qualidade do goleiro alvinegro Victor.

“Espero fazer gols, independente da maneira. Se for do meio de campo, melhor ainda. Eu sei o quanto é difícil. O Victor é um grande goleiro. Se eu fizer gol de bico, de chute rasteiro, eu estarei feliz. O importante é fazer gol”, concluiu.