Bryan passa por exames médicos na Toca II e exalta acerto com Cruzeiro: "Gratificante"

Lateral-esquerdo, oriundo do América-MG, aguarda resultados dos testes para assinar contrato e ser apresentado oficialmente pela Raposa nos próximos dias

Bryan passa por exames médicos na Toca II e exalta acerto com Cruzeiro: "Gratificante"
Bryan possui passagem pelas categorias de base do Cruzeiro (Foto: Divulgação/Cruzeiro)

Anunciado como novo reforço do Cruzeiro na última terça-feira (10), o lateral-esquerdo Bryan esteve na Toca da Raposa II, na manhã desta quinta-feira (12), realizando exames médicos. O jogador, de 24 anos, esteve acompanhado do médico da Raposa, Dr. Leonardo Corradi, e agora espera o resultado dos testes para assinar contrato e ser apresentado oficialmente pela Raposa nos próximos dias.

Bryan chegou ao Cruzeiro após se destacar no Campeonato Mineiro, pelo América-MG, marcando, inclusive, um belo gol contra a Raposa ainda na fase classificatória da competição. O lateral não escondeu a satisfação por atuar entre os profissionais do clube celeste, já que vestiu a camisa azul e branca ainda nas categorias de base. 

"É gratificante demais. Esperei a vida toda para estar em um time como o Cruzeiro. Agora que conquistei esse primeiro objetivo, é dar a vida no Clube. Há doze anos eu joguei na base do Cruzeiro, na categoria mirim, e tinha visitado a Toca da Raposa II uma vez para ver o treino dos profissionais e hoje em dia poder estar aqui, como profissional, é gratificante demais. Vou dar o melhor com a camisa do Cruzeiro e se Deus quiser buscar títulos para dar muitas alegrias à nação cruzeirense”, disse o atleta ao site oficial do Cruzeiro.

O lateral não escondeu a ansiedade em começar a defender o Cruzeiro nos gramados. No entanto, Bryan estará à disposição da Raposa, somente na 2ª rodada do Brasileirão, no dia 21 de maio, quando o clube celeste enfrentará o Figueirense, às 21h, no Mineirão. Por ter atuado com o América-MG na Copa do Brasil, o jogador não poder disputar a competição nacional pela nova equipe.

“Fazer tudo que tiver que fazer certinho, para assinar o contrato e poder jogar logo. Eu treinava na Toca I, em 2004, tinha 12 anos, e um dia a gente veio assistir ao treino do profissional. Era um sonho de criança e poder estar realizando é importante demais. Estou muito feliz. É um dos melhores CTs do Brasil e é tudo que um jogador precisa. Um ótimo suporte de trabalho e tenho que fazer o melhor com tudo isso que o Cruzeiro oferece”, concluiu.