Léo exalta Cruzeiro após atingir marca de 200 jogos: "Uma camisa que sempre admirei"

Com 16 gols marcados, jogador é o 4º maior zagueiro artilheiro da história do clube; Jogar na Raposa era um sonho que o defensor trazia desde a infância

Léo exalta Cruzeiro após atingir marca de 200 jogos: "Uma camisa que sempre admirei"
Léo nunca escondeu sua paixão pelo Cruzeiro (Foto: Buda Mendes/ Getty Images)

Na última terça-feira (10), o Cruzeiro venceu o Londrina-PR por 2 a 0, pela segunda fase da Copa do Brasil, e eliminou o jogo de volta. Os jogadores celestes têm a classificação para a terceira fase da competição como um motivo em comum para comemorar. Mas para o zagueiro Léo tem algo a mais: essa foi a partida de número 200 dele com a camisa estrelada.

“Para mim é uma alegria muito grande, uma honra muito grande de vestir 200 vezes uma camisa recheada de títulos, recheado de histórias, de excelentes jogadores que já passaram por aqui, uma camisa que sempre admirei. Conquistar títulos com essa camisa, chegar a essa marca, e chegar aos meus objetivos jogando no Clube é de uma satisfação imensa”, afirmou.

Desde 2010 no Cruzeiro, quando veio do Palmeiras, o mineiro nunca escondeu seu amor ao clube. Com 16 gols marcados, atrás de Geraldão, Cris e Darcy Menezes, Léo é o 4º maior zagueiro artilheiro do time do coração, onde, quando criança, já sonhava em jogar. Sonho que vem sendo realizado há seis anos e com louvor: “Muito bom saber que estou entrando para a história de um Clube. Quando criança a gente sempre sonha em ser jogador de futebol, mas é difícil você planejar ou projetar algo do tipo, mas que com muito suor e muita dedicação a gente sempre visa buscar lugares mais altos, e hoje conquistar essa marca com a camisa do Cruzeiro, camisa que eu sonhava em vestir, era tudo muito distante e poder chegar a essa marca pelo Clube é uma satisfação enorme”, declarou o zagueiro.

Com dois títulos do Campeonato Mineiro, em 2011 e 2014, e o Bicampeonato Brasileiro, em 2013 e 2014, o zagueiro espera conquistar ainda mais títulos com a camisa celeste, como a Libertadores, que para ele, é uma grande meta a ser alcançada: “Quero buscar cada vez mais os títulos. Conquistar títulos brasileiros, buscar a Libertadores, que é algo que o Cruzeiro tem marcado na sua história, e espero realizar mais esses sonhos com essa camisa tão vitoriosa”, completou.

Com a lesão do zagueiro Manoel, em abril deste ano, que vinha sendo titular ao lado de Bruno Rodrigo, Léo tem como concorrentes para essa vaga, Bruno Viana e Fabrício Bruno, ambos vindos da base, e sua experiência pode lhe render a titularidade. Sua próxima chance pode ser já no sábado (14), onde o Cruzeiro faz sua estreia no Campeonato Brasileiro diante do Coritiba, no Couto Pereira, às 21h.