Paulo Bento minimiza vantagem obtida contra Vitória na Copa do Brasil; Willian celebra triunfo

Comandante pede calma com vantagem adquirida para o jogo da volta, em Belo Horizonte/MG

Paulo Bento minimiza vantagem obtida contra Vitória na Copa do Brasil; Willian celebra triunfo
Paulo Bento não viu semelhança com o jogo de domingo e disse que o confronto está aberto (Foto: Edson Ruiz/Light Press)

Paulo Bento se mostrou  muito satisfeito com o Cruzeiro, no triunfo por 2 a 1 sobre o Vitória, em Salvador, pela terceira fase da Copa do Brasil. O treinador luso aprovou a atuação do time, que tem rendido mais fora de casa do que no Mineirão nesta temporada.

"Em termos de jogar fora ou em casa, não tentamos diferenciar, única diferença que existe na nossa preparação é contra quem jogamos e como jogamos, mas não tem diferença para a gente. Mas é verdade que em alguns jogos a gente é mais eficaz fora de casa do que em casa. Tivemos oportunidade de decidir o jogo antes, e levar uma vantagem ainda maior para casa, mas não conseguimos. É um jogo de 180 minutos. Alcançamos um bom resultado, mas não um resultado definitivo. Vamos jogar a partida de volta para buscar a classificação para a próxima fase", disse Bento.

O treinador cruzeirense não viu semelhanças com a partida do último domingo, quando os times se enfrentaram pelo Campeonato Brasileiro. Para ele, foram dois jogos totalmente distintos. Na opinião do português, se o Vitória foi melhor domingo, nesta quarta, a superioridade foi celeste. "Da nossa parte, não creio que este jogo tivesse algo parecido ao jogo do domingo passado. A única semelhança foi o fato de fazer dois gols também, não mais do que isso. As estratégias eram diferentes, para um e para outro. Hoje fizemos o que planejamos, domingo não", finalizou.

O atacante Willian comentou a importância do resultado, principalmente devido ao grande número de desfalques e aos gols marcados fora de casa, que servem de critério de desempate na Copa do Brasil. "Fazer gol fora é importantíssimo. Agora é saber aproveitar o jogo da volta. Temos tudo para avançar, mas sabemos que a equipe do Vitória é qualificada, perigosa. Conseguimos o resultado importante, mas não é nada garantido. Os que vieram para cá vieram para aproveitar a oportunidade. Creio que a gente oscilou bastante dentro do jogo, mas tivemos espírito de luta, fizemos um bom jogo. Agora é descansar para poder voltar a jogar no Brasileiro."