Mano Menezes confirma Ezequiel na lateral direita e espera por Cabral e Arrascaeta

Treinador do Cruzeiro quer elenco focado apenas no Coritiba e conta com apoio da torcida celeste, no Estádio Independência

Mano Menezes confirma Ezequiel na lateral direita e espera por Cabral e Arrascaeta
Mano Menezes deve optar pelo mistério na escalação do Cruzeiro (Foto: Pedro Vilela/Light Press)

No próximo domingo (14), o Cruzeiro terá uma oportunidade ímpar para sair da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro, enfrentando o Coritiba, às 16h, no Independência. No entanto, o técnico Mano Menezes carrega algumas dúvidas na montagem da equipe titular, uma vez que o volante Ariel Cabral e o meia Arrascaeta estão no departamento médico do clube, dependendo de aval dos profissionais do setor para poder entrar em campo.

Por isso, o sábado (13) será de suma importância para os planos do treinador, que ficará sabendo se poderá contar, ou não, com a dupla estrangeira. O certo é que Mano definiu o lateral-direito Ezequiel como titular do setor, fazendo sua estreia na titularidade no Cruzeiro, já que Lucas está suspenso pelo terceiro cartão amarelo. 

"Ezequiel é jogador da posição. Vai jogar o Ezequiel. É o critério que costumo adotar. Estabeleço com os jogadores da posição quem é o primeiro, o segundo e nesse caso o terceiro. Se dois não jogarem e o terceiro ficar fora, não há motivo de ele estar no grupo. Então ele tem a confiança do grupo, da comissão técnica. Vai jogar o Ezequiel”. Em relação a Ariel e Arrascaeta, vamos tomar a decisão amanhã. Existe a possibilidade de aproveitá-los ainda e levaremos essa condição até amanhã. Também temos a possibilidade de fazer trabalho tático amanhã para ajustar o time e definir os substitutos", colocou o técnico.

Mano Menezes também poderá contar com o volante Lucas Romero, que estava atuando pela Argentina nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro. Titular absoluto com os ex-técnicos Deivid e Paulo Bento, o camisa 29, no entanto, terá que aguardar para saber se vai continuar entre os 11 escolhidos. Mano exaltou as qualidades do argentino, mas manteve mistério quanto a sua utilização.

“É um pouco cedo para falar porque não é a mesma coisa ver o jogadorsob orientação de outro técnico. Você o conhece melhor quando está no comando. O Romero tem qualidade, vem em boa hora para nos ajudar e eu o vejo como um volante. Vamos esperar um pouco mais para ver como encaixaremos a equipe. O time que produzir melhor, vai jogar”, disse o treinador.

Apesar da melhora do Cruzeiro na temporada, Mano não coloca a equipe celeste como favorita diante do Coritiba que, apesar de não estar na zona de rebaixamento, figura a segunda metade da tabela de classificação do Brasileirão. O treinador da Raposa preferiu não comentar sobre o Coxa, mas quer sua equipe focada apenas no domingo.

"Muito difícil falar do adversário. Eu não costumo fazer isso. Cada um executa sua maneira de jogo e cabe a nós tentar vencer da nossa forma. Existe uma ilusão que o Cruzeiro não pode ter depois de ter feito três bons jogos é que vai ter vantagens antes de enfrentar o Coritiba. Não deixo o time pensar assim. Sinto que o astral melhorou, a confiança também. Os jogos que temos contra o Coritiba e outros times são fundamentais para a nossa reação, mas não podemos pensar que haverá facilidade", concluiu.