Fábio sofre ruptura no joelho direito e não atua mais pelo Cruzeiro em 2016

Goleiro e capitão da Raposa passará por cirurgia para corrigir ruptura no ligamento cruzado e previsão de retorno aos gramados está estipulado em abril de 2017

Fábio sofre ruptura no joelho direito e não atua mais pelo Cruzeiro em 2016
(Foto: Luciano Santos / Light Press)

O goleiro Fábio foi submetido a exames nesta segunda-feira (15), após torcer o joelho contra o Coritiba, na tarde do último domingo (14), pelo Campeonato Brasileiro. No entanto, os resultados indicaram que o jogador sofreu uma ruptura no ligamento cruzado anterior da região, sendo necessário um procedimento cirúrgico no local.

Com isso, Fábio ficará, no mínimo, oito meses sem condições de jogo, retornando somente em abril de 2017. Os exames de imagem foram supervisionados pelo médico do Cruzeiro, Dr. Sérgio Freire Júnior que explicou, com detalhes, a situação do capitão celeste.

“O Fábio teve uma entorse no joelho direito, no jogo de ontem, foi reavaliado após a partida e fez exames de imagem hoje de manhã. Foi constatada uma lesão no ligamento cruzado anterior. Há a indicação de cirurgia, já iniciei toda a programação para que seja feito o procedimento. O tempo de recuperação previsto é em torno de oito meses”, disse o profissional.

O goleiro se contundiu aos nove minutos da etapa inicial do confronto com o Coritiba, quando se chocou com o atacante Kazim, dentro da área. No momento, o arqueiro foi atendido por profissionais da área médica cruzeirense e permaneceu em campo até os 34 minutos, quando deu lugar a Lucas França. Além de Lucas, o Cruzeiro possui mais dois goleiros reservas: Elisson, que retornou da equipe paranaense, e Rafael, recuperado de uma fratura de um dos dedos na mão direita.

Fábio retornou de suspensão neste domingo, já que ficou fora do duelo contra o Corinthians, na semana passada. O goleiro é o atual recordista de partidas com a camisa celeste, tendo atuado em 704 oportunidades, desde 2005.