Mano Menezes confirma Rafael no gol e Manoel como capitão em duelo contra o Santa Cruz

Treinador celeste usará o volante Ariel Cabral para substituir Henrique, suspenso, e não descarta a possibilidade de usar Denílson por alguns minutos

Mano Menezes confirma Rafael no gol e Manoel como capitão em duelo contra o Santa Cruz
Mano ressaltou confiança em Rafael para substituir Fábio na meta celeste (Foto: Pedro Vilela/Light Press)

Sem mistério na Toca da Raposa II. Na manhã desta sexta-feira (26), Mano Menezes confirmou o Cruzeiro que irá enfrentar o Santa Cruz, no domingo (28), às 11h, no Mineirão, pelo Campeonato Brasileiro.

O treinador celeste promoveu algumas alterações no time, a primeira delas no gol: Lucas França, utilizado nas últimas três partidas da Raposa, voltará para o banco de reservas. Com isso, Rafael, recuperado de uma cirurgia em um dos dedos da mão direita, ocupará a meta azul e branca. O camisa 12 recebeu confiança de Mano para começar jogando.

"A condução da semana foi para dar ritmo aos dois e segurança aos dois, mas a opção que vou tomar vai ser por dar a Rafael a oportunidade como segundo goleiro que é do grupo. Tão logo estivesse em condição, a gente iria coloca-lo no gol. Essa é a decisão e a avaliação que tivemos na semana de treinamento. Vamos começar com o Rafael", garantiu o técnico.

Outra mudança, será no meio de campo. Sem poder contar com o volante Henrique, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, Mano escolheu Ariel Cabral para atuar ao lado de Lucas Romero. O alto índice de passes certos de Cabral foi fundamental para a escolha do treinador celeste.

"Temos um jogador que está rendendo bem, que dá segurança de passe pra equipe, sempre trabalha bastante em termos de conscientização que essa é uma zona de segurança, onde você tem que errar pouco e o erro custa caro. A transição tem que ser segura. Do meio pra frente, podemos arriscar mais, os jogadores podem arriscar mais, partir para o drible. Até ali, a equipe precisa ser mais segura. Ariel da essa segurança e por isso ele tem sido escolhido. Na maioria das vezes fez com o Henrique como companheiro, desta vez o companheiro será o Romero. Ariel vai ser Ariel, e Romero vai ser Henrique em termos de função", justificou Mano.

Com a ausência do goleiro Fábio, a faixa de capitão foi repassada ao volante Henrique, um dos líderes do elenco. Como o volante está suspenso, a capitania do time no domingo será exercida pelo zagueiro Manoel, que, segundo o treinador celeste, desempenha um papel importante para a equipe, no âmbito motivacional.

"Vai ser Manoel. Manoel teve uma passagem importante ano passado, mostrou capacidade de superação grande, entrou em campo no sacrifício várias vezes. Essa demonstração serve para a equipe, contagia a equipe e já está aqui há bastante tempo, já conhece a casa, a cultura do clube. É um jogador que merece usar a braçadeira de capitão pra representar isso dentro de campo", esclareceu o técnico.

Assim, o Cruzeiro entrará em campo diante do Santa com os seguintes jogadores: Rafael; Lucas, Manoel, Bruno Rodrigo e Edimar; Lucas Romero, Ariel Cabral, Robinho e Arrascaeta; Ábila e Sobis.

Denilson poderá estrear pela Raposa após um mês de sua contratação

Há cerca de um mês, o volante Denilson chegava ao Cruzeiro, após a diretoria celeste efetuar o empréstimo junto ao Al Ahli, dos Emirados Árabes. Nesse tempo, o ex-jogador do Arsenal-ING e São Paulo esteve colocando sua forma física em dia.

Agora, esse mesmo tempo virou inimigo do atleta, já que possui pouco mais de três meses para convencer a Raposa a investir 2,5 milhões de dólares (cerca de R$8 milhões) em sua contratação. Neste domingo, a primeira oportunidade poderá surgir, segundo Mano Menezes, que fez vários elogios ao volante.

"Já está participando de todos os trabalhos e vai ser relacionado para o jogo pela primeira vez no domingo. É um jogador de função importante para a equipe e dentro do jogo, se houver necessidade, houver possibilidade, será utilizado porque já existe condição para isso. É experiente, tem bom passe, boa visão do jogo, então já temos confiança para fazer isso com ele", disse.