Com problemas com os volantes titulares, Lucas Silva ganha nova oportunidade no time do Cruzeiro

Jovem volante volta a figurar no time titular contra o Atlético-PR, em Curitiba

Com problemas com os volantes titulares, Lucas Silva ganha nova oportunidade no time do Cruzeiro
Lucas Silva quer aproveitar a chance no time titular e ter uma sequência em sua volta ao Cruzeiro (Foto:Washington Alves/Light Press/Cruzeiro)

O Cruzeiro tem mais um problema para o decorrer da temporada. Hudson teve lesão diagnosticada em exame médico e desfalcará a equipe de Mano Menezes por até seis semanas, de acordo com a assessoria de comunicação do clube. Porém a solução que deve ser usada para sanar o problema é “caseira”: formado na base celeste, Lucas Silva é o favorito para ser titular no jogo diante do Atlético-Pr, pelo Campeonato Brasileiro. O jogador, que está emprestado ao Cruzeiro pelo Real Madrid, se diz satisfeito por poder receber mais uma oportunidade de Mano Menezes e garante que está pronto para ajudar seus companheiros. “Venho tentando aproveirar ao máximo quando entro, mas é jogando sempre que você consegue mostrar todo seu futebol. Espero aproveitar bem este jogo, que será o tempo todo. Estou muito feliz e pronto para o jogo”, destacou o camisa 16.

Campeões brasileiros em 2014, Henrique e Lucas Silva voltaram a jogar juntos (Foto:Washington Alves/Light Press/Cruzeiro)
Campeões brasileiros em 2014, Henrique e Lucas Silva voltaram a jogar juntos (Foto:Washington Alves/Light Press/Cruzeiro)

O jovem voltará a estar ao lado de Henrique, parceiro do título nacional de 2014. Juntos os volantes formaram uma dupla de bastante técnica, bons passes e que aliava qualidade no combate e na saída de jogo. “Tenho um entrosamento muito bom com o Henrique. Conheço bem o estilo de jogo dele. E ele também me conhece bem. Mas independentemente da formação que a gente terá, precisamos estar bem no meio-campo”, afirmou Lucas Silva.

Lucas tem números modestos nesta temporada. Ele foi titular apenas cinco vezes e entrou no decorrer de outras 11 partidas. As 16 apresentações do meio-campista correspondem a 39% dos 41 jogos oficiais da Raposa em 2017. “Eu mesmo decidi voltar ao Cruzeiro para jogar. Nem sempre o que a gente planeja sai como esperado. Queria voltar e jogar. Porém, essa sequência de jogar não está acontecendo. Mas não é nada de que tenho que desesperar. É continuar trabalhando e mantendo o foco como venho fazendo. É aproveitar quando a chance aparecer” disse.

Mas ele diz que tem boa relação com o técnico do time e esse fato será um facilitador para desempenhar seu futebol em campo. “Já entendi como o Mano gosta que eu atue e ele também sabe como eu atuo. Então, a tendência é que as coisas saiam como o desejado. Não tenho preferência de jogar pela esquerda ou pela direita, já joguei em ambas. Quero ajudar o time”, salientou.

Mano ainda tem outros problemas para solucionar. Ele vem escalando a equipe com três volantes, porém só terá quatro à disposição: Henrique, Lucas Silva, Lucas Romero e Nonoca. Ariel Cabral também não pode entrar em campo. O argentino cumpre suspensão automática. O problema é que Romero tem atuado na lateral direita, setor em que o titular Ezequiel está no departamento médico. Lennon, outro atleta de ofício, não goza de prestígio com a comissão técnica e, por isso, está fora dos planos.


Share on Facebook