Rescisão contratual de Fabrício é publicada e lateral acerta transferência ao Atlético-PR

Lateral não jogou bem nas oportunidades que teve e vai defender as cores do furacão

Rescisão contratual de Fabrício é publicada e lateral acerta transferência ao Atlético-PR
Fabrício voltou ao Cruzeiro nesta temporada mas não conseguiu jogar bem. (Foto: Divulgação/Cruzeiro)

O Boletim Informativo Diário (BID) da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) confirmou a rescisão de contrato do lateral-esquerdo Fabrício com o Cruzeiro. O atleta está perto de se transferir para o Atlético-PR. Fabrício esteve na Toca da Raposa II até semana passada para se despedir dos companheiros de clube e chegar a um acordo de rescisão com a diretoria celeste. Fabrício foi contratado pelo Cruzeiro em abril de 2015. Nunca se firmou como titular. Ano passado foi emprestado ao Palmeiras, em uma troca envolvendo quatro jogadores: o clube paulista cedeu Robinho e Lucas, e contratou Fabrício e Fabiano do Cruzeiro por empréstimo. Ele retornou este ano à Toca da Raposa, mas ficou na reserva de Diogo Barbosa, titular absoluto do time.

O lateral já aparece com o uniforme do furacão na rescisão de contrato publicada no BID. (Foto: Reprodução/BID CBF)
O lateral já aparece com o uniforme do furacão na rescisão de contrato publicada no BID. (Foto: Reprodução/BID CBF)

Pela Raposa, ele atuou em 52 jogos e marcou um gol. Terceira opção para a lateral esquerda, Fabrício vestiu a camisa do Cruzeiro pela última vez em 10 de maio, na derrota da Raposa para o Nacional-PAR. Na ocasião, a Raposa sofreu revés no tempo normal e foi eliminada da Copa Sul-Americana na disputa por pênaltis. Fabrício foi responsável por uma das cobranças perdidas pelo time de Mano Menezes. Desde então, ele não recebeu mais nenhuma oportunidade. Essa é a terceira saída do elenco neste janela. O clube emprestou Kunty Caicedo ao Barcelona de Guayaquil, vendeu Ramón Ábila ao Boca Juniors e agora deve confirmar a saída do lateral-esquerdo.

Fabrício tem 30 anos. Além do Cruzeiro, Fabrício já passou por outros grandes clubes, como Internacional e Palmeiras. A passagem mais significativa foi no Colorado, equipe que defendeu por cinco temporadas e que ficou marcada por um desentendimento com torcedores durante uma partida. As conversas com o Furacão estão bem adiantadas e a negociação deve ser concretizada ainda nesta semana, já que o time paranaense tem um problema no setor: Sidcley, Nicolas e Renan Lodi são constantemente criticados pela torcida e não conseguiram se firmar na temporada.

Cruzeiro Esporte Clube