Apesar da derrota, Mano elogia equipe e comenta lance decisivo

Para o treinador, juiz errou ao marcar o pênalti que deu a vitória ao São Paulo

Apesar da derrota, Mano elogia equipe e comenta lance decisivo
Foto: Washington Alves/Light Press

O Cruzeiro deixou escapar diante do São Paulo mais uma chance de entrar no G-6 do Campeonato Brasileiro. A equipe mineira chegou a estar vencendo a partida, mas acabou sofrendo a virada nos minutos finais. Para o técnico Mano Menezes, o Cruzeiro jogou bem, mas pecou em não matar o jogo quando estava à frente do placar.

"Perdemos uma penalidade máxima, sofremos o gol final do primeiro tempo, voltamos bem, continuamos bem, viramos o jogo, tivemos a bola do 3 a 1, que poderia encaminhar uma boa vitória. Depois veio o 2 a 2, depois veio o lance que não quero comentar. Mesmo depois do 3 a 2, tivemos duas bolas importantes, para o empate, e não fizemos. Não fizemos o resultado traduzir na atuação do Cruzeiro. Mas temos que valorizar as coisas boas. O Cruzeiro teve um jogo que raramente consegue fazer, de tanta superioridade, vamos continuar nesta linha", analisou o treinador.

Mano Menezes evitou analisar a arbitragem de Rafael Trasci, que marcou um pênalti duvidoso após lance entre Gilberto e Ezequiel na área. Ainda assim, para o treinador cruzeirense, o árbitro errou ao assinalar a infração.

"Não é um bom momento para falar disso hoje, depois de um jogo desse. Sou conhecido como 'reclamão' e, aí, quando falo sobre a arbitragem, os programas todos de segunda-feira ou de domingo de noite, ou analistas, falam que o Mano Menezes reclamou da arbitragem. Não vou reclamar. Só acho que ele errou", comentou Mano.

Com a derrota, o Cruzeiro segue fora do G-6. Para o treinador, a resposta para a fase cruzeirense está na oscilação da equipe, que vem desperdiçando várias chances de gol. "Porque está pecando em jogos que os que estão na frente, não pecam. Tivemos, no mínimo, três empates em casa, tivemos chances claríssimas e não fizemos. São seis pontos, seis pontos te colocam lá na frente. Isso é importante para te fazer estar na elite. Tem que criar e fazer gols, ser efetivo", respondeu Mano.

O Cruzeiro volta a campo na quarta-feira, contra o Grêmio, pelo primeiro jogo das semifinais da Copa do Brasil. Mano Menezes acredita que a equipe pode voltar a apresentar um bom futebol, mas atenta quanto à falta de concentração do time que, por várias oportunidades, tem deixado escapar um bom resultado.

"Deixa uma parte satisfeita e outra parte preocupada. Satisfeita pela qualidade de jogo que a equipe tem. O que preocupa é que a gente não pode perder chance de fazer um resultado assim. Se joga bem, tem que ganhar. A ordem natural é que você construa as vitórias em cima de boas atuações. Mas ainda precisamos melhorar em alguns aspectos. Se a vitória não veio, temos que melhorar em alguns aspectos", finalizou o treinador. 

 


Share on Facebook