Com desfalque de Mano contra a Ponte Preta, Sidnei Lobo comanda Cruzeiro pela quarta vez no ano

Parceria que vem desde os tempos de Iraty, Sidnei  substituirá o gaúcho nas duas próximas rodadas do Brasileirão

Com desfalque de Mano contra a Ponte Preta, Sidnei Lobo comanda Cruzeiro pela quarta vez no ano
Foto: Roberto Custódio/Light Press/Cruzeiro

Todo bom treinador tem ao seu lado um auxiliar técnico competente, capaz de ajudar na retaguarda, mas também comandar interinamente quando o treinador está impossibilitado. Sidnei Lobo, parceiro de Mano Menezes há 14 anos, é um desses casos. 

Neste sábado (7), Sidnei Lobo comandará o Cruzeiro contra a Ponte Preta, no Mineirão, às 16h. O auxiliar permanecerá à frente do time também contra o Grêmio, na quarta-feira (11), às 21h45. O motivo é que Mano Menezes foi liberado para fazer tratamento de uma lesão na pele, em São Paulo. Até o momento, Lobo comandou o time celeste em três oportunidades. Uma vitória, um empate e uma derrota. 

O primeiro jogo foi pela Copa da Primeira Liga, contra a Chapecoense. Sidnei Lobo foi o treinador da equipe, pois Mano Menezes cumpria suspensão. O time celeste conseguiu a vitória por 2 a 0, e a classificação em primeiro lugar no grupo. 

Quatro meses depois, novamente Sidnei assumiu o time. No jogo contra a Ponte Preta, Mano Menezes estava suspenso pela expulsão na partida anterior, contra o Grêmio. Oauxiliar não conseguiu levar o Cruzeiro a vitória: derrota por 1 a 0 no Moisés Lucarelli. 

Foto: Gualter Naves/Light Press/Cruzeiro

Por fim, Sidnei Lobo comandou o time na semifinal da Copa da Primeira Liga contra o Londrina, no Estádio do Café. O motivo de Lobo estar à frente da equipe foi porque Mano Menezes cuidava do elenco principal que se preparava para a primeira partida da final da Copa do Brasil, contra o Flamengo. Novamente, o auxiliar não se saiu bem. Após estar vencendo por 2 a 0, cedeu o empate aos paranaenses e foi eliminado do torneio nas cobranças de pênaltis.

Futuro de Sidnei Lobo no Cruzeiro depende de Mano Menezes

Apesar da conquista da Copa do Brasil auxiliando Mano Menezes, a dupla pode se despedir do Cruzeiro. Com a mudança na presidência do clube, alguns nomes importantes da atual direção celeste estão de saída, casos de Bruno Vicintin e Paulo César Tinga

Sidnei Lobo recebeu o contato do novo vice-presidente de futebol, Itair Machado, para uma renovação visando 2018. Ainda que as conversas tenham se iniciado, Lobo deixou claro que a resposta final será de Mano Menezes, que estará ausente nos próximos dias. Caso o atual comandante não aceite a proposta, a comissão técnica o seguirá.

Cruzeiro Esporte Clube