Atuação do Cruzeiro em empate com Vitória agrada a Mano Menezes: "Satisfeitíssimo"

Raposa empatou em 1 a 1 com o time baiano, que vive o drama da luta contra a queda para a Série B

Atuação do Cruzeiro em empate com Vitória agrada a Mano Menezes: "Satisfeitíssimo"
Foto: Mauro Akiin Nassor/Light Press/Cruzeiro

Antes de engatar duas partidas contra equipes que estão de olho em uma vaga na Libertadores, os cariocas Vasco e Botafogo, o Cruzeiro foi até Salvador para jogar com o desesperado Vitória. O time baiano está lutando para não ser rebaixado e empatou em 1 a 1 com a Raposa neste domingo (19). Mano Menezes, técnico celeste, elogiou o desempenho de seus comandados fora de casa.

Vitória abre o placar, mas leva empate do Cruzeiro e segue perto da zona de rebaixamento

"Estou satisfeitíssimo com a atuação do Cruzeiro, jogar um jogo como esse, na situação que Vitória está, valendo tudo que está valendo para eles. E a gente um pouquinho mais morno no campeonato, não vou dizer desinteressados, porque isso nunca fomos. É sempre muito difícil jogar aqui. Acho que fomos bem em quase tudo, tomamos um gol de pênalti que a bola deveria ter sido colocada para linha de fundo e não para o meio da área, vamos trabalhando isso. Um erro de avaliação. Depois tomamos conta do jogo, criamos oportunidade claras", disse.

Aos 35 minutos do primeiro tempo, quando o marcador ainda registrava 1 a 0 a favor do Vitória (gol de David), o volante Henrique soltou um chute forte, a bola bateu no travessão da meta de Fernando Miguel e voltou dentro do gol baiano. A arbitragem, no entanto, não assinalou o tento para a Raposa, e Mano Menezes preferiu não polemizar o lance.

"Na minha opinião, a bola entrou, mas eu sempre me coloco no lugar do auxiliar nos lances difíceis de serem vistos, tem coisa que o olho humano não consegue ver. Acho que houve um pênalti claro sobre o Elber, que eu vi de longe", comentou o treinador.

Para o duelo na Bahia, Mano teve algumas baixas, como o meia Thiago Neves e o atacante Rafael Sóbis. Também, o lateral Diogo Barbosa, que foi titular durante todo o ano, deixou a equipe com destino ao Palmeiras e não joga mais pela Raposa - Bryan foi o substituto. Durante o duelo, o atacante Jonata precisou sair de campo, dando lugar a Elber. Mano destacou a entrada do meia-atacante.

"Fortalece o grupo, os jogadores que entraram, o mais importante é você ter uma ideia de futebol, conseguimos achar isso. Mesmo mudando os jogadores, como hoje fomos forçados a tirar o Jonata, entra o Elber e sabe o que aquela função necessita. A bola sempre chegou com qualidade, e isso fortalece o grupo", pontuou.