Um dos destaques em 2017, Alisson tem futuro incerto no Cruzeiro

Atacante de 24 anos renovou seu contrato, mas vem sendo assediado por outros clubes

Um dos destaques em 2017, Alisson tem futuro incerto no Cruzeiro
Alisson foi peça importante na conquista da Copa do Brasil de 2017 (Foto: Pedro Vilela/Getty Images)

Alisson Euler de Freitas Castro, ou simplesmente Alisson, foi um dos destaques do Cruzeiro em 2017. Superando as lesões, sua principal inimiga em anos anteriores, o atacante nascido em Rio Pomba, na Zona da Mata Mineira, marcou cinco gols, distribuiu oito assistências e conquistou o pentacampeonato da Copa do Brasil pela Raposa.

Se comparado as últimas temporadas, Alisson cresceu, ganhou seu espaço, cativou a torcida e teve como mérito a renovação de contrato. O vínculo do atleta, que ia até o meio de 2018, foi prorrogado para junho de 2021. O martelo foi batido em junho desse ano por Klauss Câmara, o então diretor de futebol do clube.

​​Em meio a prorrogação de contrato, Alisson recebeu propostas do Genoa, da Itália, o que não agradou a diretoria encabeçada por Gilvan de Pinho Tavares. O ex-presidente do time celeste recusou a investida dos italianos e segurou o jogador no Cruzeiro.

O que não impediu que novas especulações aparecessem ao término do Campeonato Brasileiro – torneio que a Raposa ficou em quinto lugar. O camisa 11 tem tido seu nome vinculado a possíveis transferências a equipes brasileiras. Entre elas, o São Paulo, que tem interesse na contratação de Alisson, em troca da permanência em Belo Horizonte do volante Hudson

Outra cogitação que vem aquecendo o mercado da bola, seria a troca entre Alisson e Manoel, zagueiro cruzeirense, pelo centroavante argentino Lucas Pratto, também do Tricolor Paulista. As diretorias negam as possibilidades, mas de fato, vem mantendo contato para eventuais negociações.  

Ao todo, Alisson vestiu o manto estrelado 168 vezes, com 23 gols, 25 assistências e 16 cartões amarelos. Sua estreia no profissional aconteceu em novembro de 2012, quando o Cruzeiro venceu o Fluminense no estádio Nilton Santos, por 2 a 0. O atacante acumula passagens por Cabofriense/RJ e Vasco da Gama.