Sem chegadas nem saídas, zaga do Cruzeiro é o único setor 'intocável' do mercado da Raposa

Clube mineiro anunciou sete nomes e perdeu outros, mas não mexeu na defesa

Sem chegadas nem saídas, zaga do Cruzeiro é o único setor 'intocável' do mercado da Raposa
Atualmente, Léo o principal zagueiro do elenco da Raposa (Foto: Bruno Haddad/Cruzeiro)

As contratações do Cruzeiro para 2018 reforçaram todos os setores de atletas de linha da Raposa, com exceção da zaga. Ao todo, o clube mineiro anunciou sete nomes para esta temporada, sendo eles um lateral-direito, dois esquerdos, um volante, um meia e dois atacantes.

A defesa da Raposa conta, atualmente, com os zagueiros Léo, Murilo, Manoel, Dedé, Digão e Arthur. Os dois primeiros integram a formação titular da equipe e certamente devem pintar entre os 11 do técnico Mano Menezes, pelo menos no começo da temporada. 

No evento de lançamento do Campeonato Mineiro de 2018, o treinador da Raposa comentou sobre a confiança que tem sobre sua zaga. "Acho que temos bons zagueiros. Temos as voltas do Manoel e Dedé. São jogadores que me deixam satisfeitos em relação ao miolo defensivo", afirmou Mano.

Após adquirir Fred, David, Marcelo Hermes, Egídio, Edílson e Bruno Silva, o vice-presidente de futebol do clube, Itair Machado, afirmou que buscava apenas um sétimo reforço, como assim o fez com o meia Mancuello. Mas, e para você: a Raposa ainda precisa buscar outros nomes para a sua defesa? A VAVEL Brasil elencou as peças das quais dispõe Mano Menezes para arrumar sua zaga.

- Léo: principal zagueiro do Cruzeiro, Léo defende a camisa celeste desde 2010. No ano passado, após uma irregularidade defensiva da Raposa, o jogador se firmou na segunda metade da temporada e terminou 2017 em alta, com 55 jogos disputado. Léo deve começar a temporada entre os titulares ao lado do jovem Murilo.

- Murilo: joia do Cruzeiro em 2017, o jovem Murilo foi revelado pela Raposa no ano passado e chegou ao time titular no momento mais conturbado da defesa em toda a temporada. Já no decorrer do Campeonato Brasileiro, com sucessivas atuações ruins de Luis Caicedo, o técnico Mano Menezes sacou Murilo do banco, que agarrou com unhas e dentes a oportunidade. Ele foi a solução do setor ao agregar solidez e ainda ajudou Leo em seu rendimento.

Murilo é uma das grandes revelações do Cruzeiro nos últimos anos (Foto: Rafael Ribeiro/Light Press/Cruzeiro)

- Digão: contratado em meados da última temporada, o zagueiro Digão terminou o ano sendo a primeira opção de Mano nas ausências de Léo ou Murilo. Em 2017, foram 12 partidas com a camisa celeste, 11 delas iniciando entre os titulares. Aos 29 anos, passou por Fluminense, Al Hilal e Al Sharjah antes de ser integrado ao grupo da Raposa.

- Manoel: titular absoluto do Cruzeiro em 2015, o zagueiro Manoel enfrentou problemas com lesão nas duas temporadas seguintes. Em 2016, uma contusão no joelho em abril tirou o defensor dos gramados até julho. Já em 2017, novamente em abril, Manoel fraturou o pé e só voltou em julho mais uma vez. 

Manoel sofreu com lesões nas duas últimas temporadas (Foto: Washington Alves/Light Press/Cruzeiro)

- Dedé: presente no bicampeonato brasileiro do Cruzeiro, o zagueiro Dedé lesionou o joelho direito e passou todo o ano de 2015 sem fazer um jogo sequer. Em 2016, fez apenas cinco jogos e disputou somente sete partidas no ano passado, tudo isso por complicações com a lesão. Atualmente, o jogador não está treinando normalmente com o grupo. Após iniciar a temporada na transição, está indo para trabalhos com a preparação física.

- Arthur: zagueiro da base do Cruzeiro, o jovem Arthur não teve tantas oportunidades como Murilo, que também foi formado pela Raposa, mas atuou bem quando solicitado. Em 2017, ano de sua ascensão ao principal, foram quatro partidas com a camisa da equipe.

O zagueiro Douglas Grolli retornou ao clube celeste nesta temporada após atuar por empréstimo na Chapecoense. O atleta chegou a aparecer na Toca da Raposa, mas não realizou trabalhos com o grupo celeste e já rescindiu com o clube, inclusive. Com tudo isso, não esteve na última temporada e nem nesta.