Cruzeiro confirma superioridade, vence América e se isola na liderança do Campeonato Mineiro

Raposa supera Coelho, no Mineirão e garanta liderança isolada no Campeonato Mineiro; América torce por derrota da URT para permanecer na vice-liderança

Cruzeiro confirma superioridade, vence América e se isola na liderança do Campeonato Mineiro
Foto: Washington Alves/Light Press/Cruzeiro
Cruzeiro
1 0
América-MG
Cruzeiro: Fábio; Edílson, Léo, Murilo e Egídio; Henrique, Ariel Cabral, Robinho, Arrascaeta e Rafinha; Fred.
América-MG: João Ricardo; Norberto, Messias, Rafael Lima e Giovanni; Zé Ricardo, Matheus Sales e Renan Oliveira; Aylon, Luan e Rafael Moura.
INCIDENCIAS: Partida válida pela quinta rodada do Campeonato Mineiro, a ser disputada no estádio Mineirão.

O Cruzeiro venceu o América-MG por 1 a 0, na tarde deste domingo (4). A Raposa pressionou os adversários até o fim e não deu chances para o Coelho. O gol celeste foi marcado por Arrascaeta.

Com o resultado, o Cruzeiro se isola na liderança com 13 pontos somados. O Coelho permanece na segunda colocação, com 10 pontos, mas pode perdê-la caso a URT vença o Atlético-MG. 

Na próxima rodada, o América-MG enfrenta o Uberlândia, na quinta-feira (8), às 19h15. Já o Cruzeiro enfrenta o Democrata, na sexta-feira (9), às 21h30.

Em etapa inicial truncada, Raposa e Coelho ficam no empate

O jogo começou animado no Gigante da Pampulha. O Cruzeiro fazia pressão nos adversários, a fim de roubar a bola e dar sequência à transição ofensiva. Aos quatro minutos, a Raposa aproveitou o erro de Norberto e Rafinha arriscou o primeiro chute do jogo, mas João Ricardo fez a defesa com facilidade.

A resposta americana veio logo depois. Em contra-ataque puxado por Aylon e Rafael Moura, Norberto recebeu a bola, mas finalizou mal. A estratégia celeste então se seguiu e o Cruzeiro continuava fazendo pressão nos adversários para retardar a subida ao ataque. 

Já nos minutos finais de primeiro tempo, os goleiros resolveram aparecer. O Cruzeiro partiu para o ataque com Fred e Rafinha, o meia celeste tentou o chute, mas João Ricardo antecipou e afastou o perigo. No lance seguinte, Norberto arriscou o chute forte e Fábio fez bela defesa para manter o placar empatado.

Arrascaeta brilha e Raposa confirma vitória no clássico

Na volta dos vestiários, o Cruzeiro comandava as ações de ataque do jogo. Em boa trama de Robinho e Ariel Cabral, o volante chutou firme para boa defesa de João Ricardo. No lance seguinte, o Coelho respondeu com bela cobrança de falta de David, mas Fábio fez a defesa.

O América-MG encontrou mais espaço para chegar ao ataque no segundo tempo de partida. O Coelho soube explorar bem o lado direito do campo para subir ao ataque, mas falhava nas finalizações.

Já na metade da partida, o Cruzeiro desceu ao ataque com Edílson e Arrascaeta. Em boa trama celeste, o uruguaio recebeu o cruzamento e completou de voleio para o fundo das redes, no ângulo direito de João Ricardo.

Depois do gol, o Cruzeiro tentou aumentar o placar com Fred, mas o atacante errou o passe para Rafael Sóbis e o Coelho se recuperou. Após quatro minutos de acréscimo, o juiz decretou o fim de partida.