Eutrópio valoriza vitória do Figueirense sobre Sampaio Corrêa: "Mais difícil do que pensei"

Treinador destacou dificuldades do gramado em São Luis e espera utilizar mais vezes esquema com dois atacantes

Eutrópio valoriza vitória do Figueirense sobre Sampaio Corrêa: "Mais difícil do que pensei"
Eutrópio avalia vitória fora de casa na Copa do Brasil (Foto: Divulgação / Figueirense)

Após vitória fora de casa diante do Sampaio Corrêa por 2 a 1, pelo jogo de ida da 2ª fase da Copa do Brasil, o técnico Vinícius Eutrópio avaliou o desempenho do Figueirense em solo do Maranhão. De acordo com o técnico, a partida foi complicada e o time sentiu a falta de ritmo após o período sem jogos com a eliminação no Catarinense.

"Foi mais difícil do que pensei. Realmente a gente sabia da qualidade do time deles e é importante valorizar a qualidade do adversário. Houve dois fatores que dificultaram muito. Perdemos muito com esses quase 20 dias sem jogos. Começamos bem, mas depois perdemos tempo de bola, tivemos erros de passe. O outro fator fundamental foi o campo. Pesadíssimo", disse Eutrópio na coletiva em São Luis.

Sobre o fim do jogo em que o Figueirense suportou as investidas adversárias, Vinícius comentou da seguinte maneira: "Tivemos a humildade de nos defender. Uma linha de quatro jogadores fechados, uma linha nova de zagueiros. Temos que ressaltar a dedicação desses jogadores", comentou, satisfeito com o desempenho defensivo do Figueira.

Com a vantagem adquirida na Copa do Brasil, o treinador foca agora no começo do Campeonato Brasileiro da Série A. Eutrópio destacou o nível do torneio e espera fazer o Figueirense jogar mais, principalmente no Orlando Scarpelli.

O técnico também avaliou individualmente alguns atletas quanto ao desempenho diante do Sampaio Correa. "O Ferrugem não estava no dia dele. Ele mesmo falou e depois tomou cartão amarelo. Resolvemos mudar (a frente), é um sistema para jogar fora. Temos que repetir mais vezes, acreditar nele e acho que dentro de casa vamos produzir mais", comentou sobre os dois atacantes no jogo.

Em defesa a Ferrugem, o gramado não favoreceu o desenvolvimento de seu futebol, segundo Eutrópio. Para o Brasileirão, ele já espera contar com o lateral-direito Ayrton, ex-Palmeiras. Uma opção a mais para o setor que conta com Jefferson.