Zé Ricardo ensaia Flamengo com Damião e Guerrero no ataque para duelo contra Chapecoense

Mudando bastante, técnico aproveitou o treinamento de sábado para testar diversas formações antes do confronto pela 22ª rodada

Zé Ricardo ensaia Flamengo com Damião e Guerrero no ataque para duelo contra Chapecoense
Paolo Guerrero treinando cobranças de falta; peruano volta ao time após suspensão (Foto: Andrey Menezes/Fla TV)

Realizando neste sábado (27) o segundo treinamento tático antes do confronto contra a Chapecoense, o técnico Zé Ricardo aproveitou para testar variações na escalação do Flamengo para o duelo deste domingo (28) pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Entre os testes chamou atenção a dupla de ataque formada por Paolo Guerrero e Leandro Damião que iniciou o trabalho no Centro de Treinamento da Chape em Santa Catarina. No dia anterior Zé havia afirmado que os dois podiam sim atuar juntos: "É uma possibilidade. Já fizemos treinamentos com essa formação. Temos o retorno dele [Guerrero] para o Brasileirão e o Leandro Damião à disposição. Não descarto essa possibilidade, pois são dois grandes jogadores. Temos que pensar bem pelas características do adversário.

Os defensores titulares, poupados na derrota contra o Figueirense, voltaram a alinhar juntos confirmando que Alex Muralha, Pará, Vaz, Réver e Jorge são a linha mais forte na cabeça do treinador. Seguiu o time com uma formação "clássica" com Márcio Araújo, W. Arão, Mancuello e Diego no meio-campo, tendo a dupla surpresa Guerrero e Damião no ataque.

Dando continuidade às alternativas, o time foi mudado mais duas vezes no decorrer do treinamento. Everton e Gabriel voltaram ao 11, dando mais profundidade, opção feita na partida contra o Grêmio, tirando assim Mancuello e Damião. Por fim, William Arão foi trocado por Cuéllar, terminando em campo boa parte dos titulares que venceram em Brasília.