Autor do gol da vitória, Emerson Sheik desabafa: "Foi difícil para caramba"

Atacante admite que estava acima do peso e revela dificuldades para voltar a entrar em forma

Autor do gol da vitória, Emerson Sheik desabafa: "Foi difícil para caramba"
(Foto: Getty Images)

A estrela de Zé Ricardo brilhou mais uma vez. O treinador fez a mudança certa na hora certa. Já no segundo tempo, Zé chamou Emerson Sheik, que ficou mais de três meses fora e jogou apenas alguns minutos diante do Figueirense, e conseguiu exatamente o que queria. O atacante não desperdiçou a chance que teve e colocou a bola no fundo da rede, dando ao Flamengo a vitória diante do Palestino na noite desta quarta-feira (21) na Copa Sul-Americana. Sheik desabafou após o confronto e se disse aliviado.

Emerson fez um desabafo logo depois do confronto: "Confesso que há três, quatro meses estava um pouco acima do peso. Nesses três meses perdi sete quilos e me dediquei totalmente para viver um momento como esse. Tinha certeza absoluta que entraria e marcaria o gol. Deus estava me mostrando que estava chegando a hora. Foi difícil para caramba. Todos viajando, trocando de roupa para viajar, e eu no Ninho treinando sozinho com a garotada. Um cara com o histórico como o meu no futebol", disse, completando logo em seguida.

"Estou feliz porque foram três meses sem jogar, ficando fora de muitos jogos e entendendo perfeitamente a posição do Zé, porque o grupo é qualificado. Mas eu continuei ali quietinho, trabalhando com apoio da família, das pessoas que, assim como eu, continuam acreditando. São pessoas que me amam, ou seja: todo mundo que compartilhou comigo desses momentos difíceis ao longo desses três meses e que sabem do que estou falando. Deus é tremendo. Fiz nada, foi só um gol, mas, além da vitória, tem um valor muito especial para mim", pontuou.

Sheik reafirmou seu amor pelo Flamengo e disse que quer ajudar em mais conquistas: "Cheguei aqui em 2009, minha volta ao Brasil, para meu time de coração. Todos sabem do amor que tenho pelo clube. As pessoas sabem da minha situação financeira. Já consegui fazer meu pezinho de meia. Dá pra viver. Tenho um amor muito grande, enorme por esse clube", disse.

Além disso, Zé Ricardo afirmou que tem total confiança em Emerson e, por isso, conta com ele. Sheik também elogiou o treinador e o grupo rubro-negro: "Eu sabia que o Zé no fundo acreditava. Não sei se vai mudar, até porque o grupo é extremamente qualificado. Vou continuar trabalhando da mesma maneira e torcendo para o Zé mais uma vez olhar para mim", concluiu.