Flamengo tenta confirmar classificação inédita na Sul-Americana diante do Palestino

Com vantagem obtida no jogo de ida, equipe rubro-negra comandada por Zé Ricardo tenta encaminhar classificação inédita às quartas de final

Flamengo tenta confirmar classificação inédita na Sul-Americana diante do Palestino
Jogadores comemorando o gol de Emerson Sheik no jogo de ida (Foto: Flamengo / Divulgação)
Flamengo
Palestino
Flamengo: Paulo Victor, Rodnei, Juan, Rafael Vaz e Chiquinho; Gustavo Cuéllar, Márcio Araújo, Alan Patrick e Fernandinho; Marcelo Cirino (Emerson Sheik) e Guerrero
Palestino: Dario Melo; Sierralta, Luna, Vidal e Cereceda; Carvajal, Farías, Franco Mazurek, Vidangossy e Leonardo Valencia; Leandro Benega
ÁRBITRO: Diego Haro (PER), auxiliares: Braulio Cornejo (PER) e Victor Paez (PER).
INCIDENCIAS: Partida de volta válida pela fase de Oitavas de final da Copa Sul-Americana, a ser realizada no Estádio Kleber Andrade, em Cariacica/ES.

Embalado no Campeonato Brasileiro, o Flamengo volta suas atenções agora para a Copa Sul-Americana, onde enfrenta o Palestino do Chile, na noite desta quarta-feira (28), às 21h45, no Estádio Kleber Andrade, no jogo de volta pelas oitavas de final da competição. A equipe se classificar neste confronto, pega o vencedor de San Lorenzo (ARG) e La Guaíra (VEN).

Em vantagem no confronto, o rubro-negro tenta encaminhar a inédita classificação à fase de quartas-de-final, precisando apenas de um empate para avançar. Para o confronto diante dos chilenos, o técnico Zé Ricardo, assim como fez no jogo de ida, deverá poupar jogadores titulares e utilizar um time misto.

Com a derrota por 1 a 0 em Santiago, só resta ao time do Palestino vencer, precisando marcar pelo menos dois gols para poder avançar, ou reverter o placar para levar a decisão da vaga para os pênaltis. O técnico Nicolás Córdoba deve escalar a mesma equipe que entrou em campo na última quarta-feira, pondo força máxima novamente contra o rubro-negro.

Flamengo com equipe mista novamente

A vantagem obtida na partida de ida no Chile dá suporte a estratégia de poupar de alguns jogadores, utilizada pelo comandante rubro-negro Zé Ricardo. Com isso, a equipe que irá a campo contra o Palestino será novamente composta, em sua maioria, por jogadores considerados reservas.

Para evitar o desgaste, os atletas Diego, Réver, Jorge, Willian Arão, Gabriel e Everton não foram relacionados e estão fora da partida desta quarta-feira. Além deles, o atacante Leandro Damião, que voltou aos treinos após se recuperar de lesão no músculo adutor da coxa, também foi poupado. E outro que está fora, é o goleiro Alex Muralha, convocado para defender a Seleção Brasileira nos jogos pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2018 na Rússia. 

Devido a essas ausências, o time que enfrentará o Palestino será recheado de jogadores reservas, mas que vem tendo grande importancia nos jogos pelo Brasilerão, como os meias Alan Patrick e Fernandinho, o volante Cuellar e o zagueiro Juan. Além deles, o goleiro Paulo Victor está confirmado, junto do peruano Paolo Guerrero no comando de ataque rubro-negro. E ainda no setor ofensivo, Marcelo Cirino disputa vaga com Emerson Sheik, que foi o autor do gol no jogo de ida.

"O Palestino não tem um time ingênuo e esteve bem em boa parte da partida de ida. Portanto, não podemos ter descuidos, pois assim eles vão se aproveitar e podem complicar a nossa partida. O Flamengo tem a condição de jogar em casa e se impor, mas vamos com o pensamento de que precisamos ganhar", disse o técnico Zé Ricardo.

Córdoba faz mistério sobre time titular

Apesar da derrota em casa na partida de ida, o treinador Nicolás Cordobá se mantem otimista quanto a possibilidade de classificação de sua equipe contra o Flamengo. Na opinião do técnico chileno, ele crê que comandados possam surpreender o adversário no Brasil.

O comadante do Palestino gostou da performance de sua equipe no pimeiro jogo, sendo segundo ele, superior ao rubro-negro durante boa parte do jogo. Com isso, Córdoba deverá manter a base do time que esteve em campo na última quarta-feira, embora não tenha dado pistas sobre o time titular.

Apesar de não revelar a equipe que vai a campo, a expectativa é de que o principais jogadores estejam presentes, como o volante Franco Mazurek, o meia-armador Leonardo Valência e o atacante Leandro Benega, artilheiro da equipe no Campeonato Chileno.

"O Palestino esteve superior a maior parte do tempo na partida de ida, mas infelizmente no futebol isso significa muito pouco e o que vale mesmo é a bola dentro da rede. Portanto, temos que nos colocar em campo como fizemos no Chile, sem nos intimidarmos, mesmo diante de um grande do futebol sul-americano. Só que dessa vez temos que ser mais eficientes do que fomos na partida de ida, pois só assim vamos surpreender", falou o técnico do Palestino.