Flamengo é derrotado com gol no fim e Zé Ricardo admite: "Lógico que a gente sai frustrado"

Após derrota para o Santos, técnico Zé Ricardo falou sobre partida, expulsão do lateral Rodinei e entrada de Arão no time titular

Flamengo é derrotado com gol no fim e Zé Ricardo admite: "Lógico que a gente sai frustrado"
Foto: Gilvan de Souza / Flamengo

Nesta quarta (2), o Flamengo visitou o Santos no Pacaembu e saiu derrotado por 3 a 2 em mais uma partida onde o Rubro-Negro demonstrou certo abalo emocional. Com o resultado, o clube carioca está em quinto colocado e não venceu nenhum dos seus adversários diretos.

Após a derrota, no fim do jogo, o técnico Zé Ricardo concedeu entrevista coletiva e falou sobre a partida de um modo geral e comentou a atuação da sua equipe no confronto.

"Lógico que a gente sai frustrado porque acredito que o Flamengo tenha feito uma boa partida hoje, conseguimos criar as oportunidades, finalizamos. Não me parece que o resultado justo seria uma derrota, mas esse é o futebol. Temos que levantar a cabeça, procurar ver o que a gente pode melhorar, lógico que a gente sempre tem o que melhorar" - disse.

O técnico também comentou sobre a pretensão do Rubro-Negro na competição e a busca pelo líder Corinthians. "Antes da partida contra o Corinthians, a gente estava evitando falar sobre isso. Continuo pensando da mesma forma. Temos que fazer nossa competição. Como sempre fazemos, jogo a jogo. [...] vamos tentar terminar o turno com uma vitória diante do Vitória. E pensar nas Copas, para um competição ir dando gás para a outra" - completou.

Até os 25 minutos do segundo tempo, o Flamengo vencia por 2 a 1 e era superior ao time paulista, até a expulsão do lateral Rodinei. Durante a coletiva, Zé Ricardo falou sobre a dificuldade de jogar com um a menos e citou a arbitragem.

"Acho que o peso foi muito grande. Todos viram que depois da expulsão, realmente, até tivemos oportunidades. Tivemos um gol que foi anulado. Eu não costumo falar de arbitragem. Mas a arbitragem estava muito pressionada depois do jogo de quarta na Vila e do acontecimento no Itaquerão. [...] Mudou realmente depois da expulsão, o Santos cresceu e acabou fazendo um belo gol de longa distância. Chegamos a fazer um gol que não foi validado. Na pressão, o Santos acabou vencendo a partida. Jogar contra o Santos completo é difícil, com jogador a menos dificultou bastante" - afirmou.

No fim, Zé Ricardo avaliou de forma positiva a troca feita por ele para o jogo desta quarta, entre Cuéllar e Willian Arão - que voltou ao time titular com mais uma boa atuação, incluindo a assistência para o gol de Vizeu.

"Não sou de falar individualmente. Temos um grupo forte, qualificado, estruturado. As trocas são sutis. Na verdade, o grupo se assemelha muito de jogador para jogador. Tenho muita tranquilidade para fazer as trocas. No momento que o Willian saiu, não passava por uma fase boa e o Cuéllar entrou bem, se manteve bem e é importante estar sempre ganhando jogadores e ritmo de jogo. Ainda temos uma temporada desgastante, é importante contar com todo mundo. Hoje o Willian foi bem, assim como na próxima oportunidade pode ser outro jogador" - finalizou o técnico.

O Flamengo agora volta as suas atenções para o jogo de domingo (6) contra o Vitória na Ilha do Urubu, às 11h, válido pela 19ª rodada do Campeonato Brasileiro, a última rodada do primeiro turno.

Flamengo