Rueda avalia vagas em aberto na escalação do Flamengo e peso de confrontos na Copa do Brasil

Treinador do Flamengo deixou implícito que escalação ainda não está definida; principais dúvidas do comandante são no gol e no setor ofensivo

Rueda avalia vagas em aberto na escalação do Flamengo e peso de confrontos na Copa do Brasil
(Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)

Às vésperas do jogo mais importante do ano - Flamengo e Cruzeiro se enfrentam amanhã pela final da Copa do Brasil -, o treinador Reinaldo Rueda deixou implícito que ainda há vagas em aberto na escalação rubro-negra.

No confronto desta quinta-feira (07), o comandante do Flamengo terá que decidir entre Alex Muralha Thiago no gol; além disso, Rueda não poderá contar com Guerrero (suspenso) e Vizeu (lesionado). 

"Não tem sido fácil. O Vizeu machucado e a ausência do Paolo. Temos buscado uma alternativa, solução. Tenho conversado com os jogadores depois dos trabalhos em campo e creio que teremos duas possibilidades muito próximas. Vamos esperar hoje para amanhã vocês saberem a escalação", afirmou.

Rueda ainda avaliou ser possível entrar em campo sem a presença de um centroavante, com Berrío ou Everton jogando mais centralizados. O treinador afirmou que Vinicius Jr também foi testado nessa posição e demonstrou otimismo com suas opções no Rubro-Negro.

Rueda comandou atividade às vésperas da decisão na Copa do Brasil (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)
Rueda comandou atividade às vésperas da decisão na Copa do Brasil (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)

"Trabalhamos com ou sem centroavante. Pensamos essa situação com o Berrío, que jogou em um ou dois jogos como centroavante no Atlético Nacional. Uma vez entrou como centroavante e na outra virou centroavante durante o jogo. Jogamos a final da Libertadores com o Berrío de centroavante. É outra possibilidade que temos, por suas características. Todos estão muito dispostos: Vinicius, Everton e Orlando (Berrío)", completou Rueda.

Em entrevista coletiva, o treinador do Flamengo falou sobre o diferencial e a responsabilidade de jogar uma competição de mata-mata como a Copa do Brasil - para Rueda, o mais importante é manter o lado psicológico da equipe estável e abrir a vantagem logo no confronto de ida.

"São jogos muito intensos, de 180 minutos. Penso que todo jogador do Flamengo está acostumado e está preparados para saber assumir a responsabilidade, com intensidade. É importantíssimo esse primeiro jogo para fazer uma boa diferença. É um rival muito maduro, muito bem estruturado. Tem de ter uma compenetração muito grande, de vários anos de trabalho. Estamos conversando sobre essa situação. Estamos, creio que preparados, para chegar a essa final", completou.

Confira outros trechos da coletiva de Reinaldo Rueda: 

- Situação de Alex Muralha: "Muralha é um jogador muito maduro, inteligente, equilibrado, e tem assumido sua responsabilidade diante da equipe. Tem sido muito solidário. Creio que tem trabalhado muito bem, não perdeu a alegria. Estamos com essa situação"

- Fator psicológico por trás da escalação: "Não é uma decisão fácil. É uma decisão que atende vários pontos, sociológicos, psicológicos, da torcida. Por isso, temos de fazer uma análise buscando o melhor para a equipe. A situação não é fácil. Nosso psicólogo está trabalhando com os goleiros"

- Paquetá x Vinicius Jr: "Vinicius é um jogador que fez muitos gols atuando como centroavante na base, mas agora tem atuado mais pelos lados. Paquetá tem características muito especiais, é muito inteligente, muito oportunista no jogo aéreo. São jogadores muito diferentes, mas os dois têm grande vocação ofensiva, juventude, potência física"

Vinícius Jr e Paquetá foram tópico da entrevista de Reinaldo Rueda (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)
Vinícius Jr e Paquetá foram um dos tópicos da entrevista de Reinaldo Rueda (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)

- Jogo de ida da final: "Vai ser um jogo de inteligência. Vamos fazer um jogo inteligente, com muita ordem, altíssimo nível de agressividade, tem de saber sair jogando, saber ler o jogo com cautela. Vai ser muita intensidade, agressividade, altíssimo grau de concentração"

- Cruzeiro: "Cruzeiro é um time muito bem estruturado, com jogadores experimentados e todos conhecem o Mano Menezes. É um time organizado, sabem sair jogando, agressivo, pressiona bastante, tem muita boa disposição. Tem jogadores experientes. Jogadores de grande ofício, uma equipe com bons conceitos. Bem treinada por Mano e por isso estão onde estão"

Comandado por Reinaldo Rueda, o Flamengo enfrenta o Cruzeiro nesta quinta-feira (07), às 21h45. O confronto é válido pelo jogo de ida da final da Copa do Brasil e acontece no Maracanã.