Guerrero valoriza placar zerado em Chapecó: "Sempre bom não levar gol"

Melhor em campo pelo Flamengo, peruano demonstrou ansiedade para confronto de volta na próxima quarta-feira (20); Rubro-negro teve atuação pouco inspirada e poderia ter saído com a derrota

Guerrero valoriza placar zerado em Chapecó: "Sempre bom não levar gol"
Guerrero sofreu com a forte marcação adversária, mas foi o melhor em campo | Foto: Gilvan de Souza/Flamengo

O empate em 0 a 0 entre Flamengo Chapecoense saiu barato para o time visiante na Arena Condá. Nesta quarta-feira (13), cariocas e catarinenses duelaram pelo jogo de ida das oitavas de final da Copa Sul-Americana. O confronto de volta já é na próxima semana, dia 20, na Ilha do Urubu novamente às 19h15.

Ao contrário da derrota para o Botafogo no último domingo (10), Rueda colocou o time titular em campo. No entanto, o rubro-negro carioca mais uma vez ficou devendo e não teve uma atuação positiva. Destaque flamenguista no cotejo, Paolo Guerrero valorizou o empate sem gols na Arena Condá.

"Ambos os times tiveram chances, é sempre bome importante  não tomar gol como visitante. Decidiremos em casa, são mais 90 minutos, agora é trabalhar bem e nos concentraremos para a próxima quarta-feira", disse o peruano.

Comandando o ataque rubro-negro, Guerrero finalizou cinco vezes, mas todas sem direção. Deu doze passes durante o confronto diante da Chape, acertando dez e errando apenas dois. Como de costume, foi perseguido pela marcação adversária, sofrendo quatro faltas; fez apenas uma, suficiente para levar cartão amarelo

Apesar do positivismo de Paolo Guerrero, o resultado não é dos melhores para o Flamengo. Pelo contrário, o empate sem gols no jogo de ida para o mandante na partida de volta é sempre pior: o adversário, no caso a Chapecoense, avança às quartas da Sul-Americana com qualquer vitória ou qualquer empate de 1 a 1 para cima.

De volta ao Rio ainda na noite desta quarta, o Fla retorna aos treinamentos na tarde desta sexta-feira (15), virando a chave novamente para o Campeonato Brasileiro. Havia treino marcado para a tarde desta quinta-feira (14), mas os jogadores receberam folga.

O rubro-negro carioca recebe o Sport na Ilha do Urubu às 16h do próximo domingo (17), tentando se recuperar da derrota no clássico para o Botafogo na rodada anterior.

Paolo sofreu quatro faltas e fez apenas uma, mas suficiente para ser amarelado pela arbitragem | Foto: Gilvan de Souza/Flamengo
Paolo sofreu quatro faltas e fez apenas uma, mas suficiente para ser amarelado pela arbitragem | Foto: Gilvan de Souza/Flamengo