Guerrero rompe silêncio após resultado adverso em exame antidoping: "Estou tranquilo"

Atacante conversou brevemente com rede de TV peruana nesta segunda (6); Guerrero está em Lima com advogado e um bioquímico

Guerrero rompe silêncio após resultado adverso em exame antidoping: "Estou tranquilo"
(Foto: Leonardo Fernandez/Getty Images)

Após desembarcar em Lima neste domingo (5), Guerrero falou  à imprensa pela primeira vez desde que seu resultado analítico adverso no antidoping veio à tona. O atacante, que está na capital acompanhado de um de seus advogados e um bioquímico, participou de reunião com a Federação Peruana de Futebol.

Ao falar com a rede de TV Latinao peruano garantiu estar calmo com o andamento de seu caso. Em rápidas palavras, o camisa 9 também aproveitou para demonstrar apoio a seus companheiros - a seleção do Peru disputa a repescagem das Eliminatórias contra a Nova Zelândia nos dias 11 e 15 de novembro.

"Estou tranquilo. Vamos fazer força para ganhar. Estou unido com todo o grupo e meus companheiros. Eles têm todo o meu apoio. Vamos, Peru", afirmou.

Maradona, River Plate, Fred... relembre outros casos de doping já conhecidos no mundo da bola

(Foto: Reprodução)
(Foto: Reprodução)

Pedro Fida, advogado que está com Guerrero em Lima, também falou brevemente à imprensa peruana. "Não podemos fazer comentários agora, mas em breve iremos esclarecer os detalhes do caso", disse.

Nos exames antidoping, a abertura da contraprova corresponde à etapa de gestão de resultados. A análise do frasco B de urina do peruano deve acontecer ainda neste semana; um dos representantes do jogador acompanhará a inspeção direto do laboratório em Colônia, na Alemanha.

Enquanto o caso se desenrola, vale lembrar que Guerrero foi preventivamente suspenso pela Fifa por 30 dias. O Flamengo, atual clube do jogador, publicou nota oficial em apoio ao atacante.