A César o que é de César: goleiro volta a jogar após dois anos e brilha em vitória do Flamengo

Goleiro fez defesa difícil logo no início da partida e ainda defendeu um pênalti posteriormente; ao passar pela zona mista, César aproveitou para elogiar Alex Muralha

A César o que é de César: goleiro volta a jogar após dois anos e brilha em vitória do Flamengo
Foto:Gilvan de Souza/Flamengo

César foi um dos destaques do Flamengo na vitória por 2 a 0 sobre o Junior Barranquila, nesta quinta (30), pela semifinal da Sul-Americana. O jogador não fazia uma partida oficial há dois anos e, na sua volta, foi fundamental. A estrela do arqueiro brilhou logo nos minutos iniciais, com uma defesa difícil em falta de Mier.

"Meu treinador falou antes (da partida), pensava muito nisso. O primeiro lance do jogo pode até fazer diferença, mas na verdade não tentei mentalizar nisso. Poderia errar e me manter centrado. A primeira bola foi mais difícil, certamente me dá mais confiança", disse o camisa 24.

Outro lance crucial na partida foi o pênalti a favor do time colombiano, cobrado por Chará e defendido por César. O lance ocorreu aos 43 minutos, quando a partida já estava 2 a 0 para o Flamengo - e fechou com chave de ouro a bela atuação do goleiro de 25 anos.

"Apesar da oportunidade ter sido dada de forma triste e ruim por conta de um companheiro (Alex Muralha), Deus surpreendeu e honrou isso. Aguardei o máximo e fui ao canto provável da batida. Ainda bem que acertei", declarou sobre o pênalti defendido.

Preparador de goleiros do Flamengo, Vitor Hugo se blinda de críticas e enaltece atuação de César

(Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)
(Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)

Na partida, a primeira após dois anos sem atuar em jogos oficias, César sofreu com fortes cãibras durante o jogo. Além disso, o arqueiro não cobrou tiros de meta após os dez minutos do segundo tempo; na saída de bola, ele apenas lançava com a mão. ”Puxou muito minha perna na hora do tiro de meta. Quando bati uma ou duas bolas, começou a murchar e foi insustentável", relatou o jogador.

César passou de quarto goleiro para titular na partida desta quinta (30). Diego Alves sofreu uma lesão e só retorna em 2018, Thiago vem se recuperando de uma fratura no punho. Após uma sequência de falhas, Alex Muralha viajou à Colômbia, mas sequer foi relacionado para o confronto.

"Muralha é um dos caras mais incríveis que tem. A gente está sempre se motivando nos treinos. Queria agradecer a ele, porque ele sempre me deu força e a gente pode sempre se apoiar. Eu pude dar um abraço nele depois do jogo. Agradeço a ele e tenho certeza que Deus ainda vai honrá-lo", finalizou César.