Ex-Chapecoense e Seleção, Rogério Maia é o novo preparador de goleiros do Flamengo

Maia tem 43 anos, é formado em Educação Física e participou da conquista do ouro olímpico em 2016; além da Seleção e Chapecoense, preparador também acumula passagens de destaque por Coritiba e Internacional

Ex-Chapecoense e Seleção, Rogério Maia é o novo preparador de goleiros do Flamengo
Maia posa ao lado de Uilson e Weverton durante treino da Seleção olímpica (Foto: Divulgação/Rogério Maia)

O Flamengo começou a pré-temporada com algumas incertezas, com a permanência de Reinaldo Rueda (ou não) sendo a principal delas. Em meio às dúvidas da permanência do colombiano, uma "certeza" chegou ao clube nesta sexta (5). Trata-se do preparador de goleiros Rogério Maia, ex-Chapecoense, que assume o cargo no clube carioca para 2018.

Maia tem 43 anos e, por clubes, além da Chapecoense, passou por Internacional e Coritiba - clube que deixou para integrar a comissão da Seleção Brasileira que conquistou o inédito ouro olímpico em 2016. Rogério assumirá o lugar de Victor Hugo, que ficou marcado pela torcida com a má fase dos goleiros rubro-negros.

(Foto: Divulgação/Rogério Maia)

Victor Hugo deixa o Flamengo após 2017 conturbado

O ano de 2017 foi muito difícil para os goleiros do Flamengo. Quedas drásticas de rendimento, lesões e até mesmo uma "falta de sorte" com a lesão de Diego Alves atrapalharam o ano do Rubro-Negro. A imagem do então treinador de goleiros, Victor Hugo, ficou bastante desgastada com os torcedores.

Victor Hugo ficou marcado, principalmente, pelas falhas consecutivas de Alex Muralha. À época, os torcedores não conseguiam mais desassociar a imagem do goleiro com a do ex-preparador de goleiros do Flamengo. O momento era tão conturbado que o preparador uma vez foi à público para desabafar.

Victor Hugo ao lado do goleiro Alex Muralha (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)
Victor Hugo ao lado do goleiro Alex Muralha (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)