De saída: Reinaldo Rueda deixa o Flamengo e assume comando da Seleção do Chile

Treinador confirmou saída à cúpula do Flamengo em reunião nesta segunda (8); Rueda assumiu grupo rubro-negro em agosto de 2017 após polêmica demissão de Zé Ricardo

De saída: Reinaldo Rueda deixa o Flamengo e assume comando da Seleção do Chile
(Foto: Alexandre Schneider/Getty Images)

Foram semanas e semanas de especulação, mas a novela entre Reinaldo Rueda e Flamengo finalmente chegou ao fim. Nesta segunda-feira (8), o treinador se reuniu com a cúpula rubro-negra e avisou que deixará o cargo no clube da Gávea. O comandante colombiano agora assumirá a seleção do Chile. A informação foi confirmada pelo clube em nota oficial.

Rueda esteve à frente do Flamengo pela primeira vez nas semifinais da Copa do Brasil, no empate por 0 a 0 com o rival Botafogo. Desde então, foram 31 confrontos, com 13 vitórias, dez empates e oito derrotas. 

Muito requisitado pela torcida após a demissão de Zé Ricardo, Reinaldo Rueda comandou o Flamengo nas semifinais e na final da Copa do Brasil - onde foi vice para o Cruzeiro. Além disso, o colombiano treinou o Rubro-Negro desde as oitavas de final até a decisão da Sul-Americana. No Campeonato Brasileiro, o clube da Gávea terminou sua campanha em sexto lugar, com 56 pontos.

O Chile será o quarto desafio de Rueda em uma seleção nacional - anteriormente, o treinador já comandou as equipes de HondurasColômbia (seu país de origem) e Equador. O contrato do colombiano com a La Roja se estende por quatro anos.