Cícero marca dois, Fluminense vence Ponte Preta e ascende na tabela do Brasileirão

Scarpa também conseguiu dar três assistências no jogo que aconteceu em Édson Passos

Cícero marca dois, Fluminense vence Ponte Preta e ascende na tabela do Brasileirão
Foto: Divulgação / Fluminense

Na rodada dos jogos da 11h, o Fluminense venceu a Ponte Preta por 3 a 0 no estádio Giulite Coutinho, em Édson Passos, Rio de Janeiro, em jogo pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro 2016 neste domingo (31). Cícero marcou dois e Wellington foi quem fez o terceiro, além de três assistências de Scarpa.

Com a vitória, a equipe carioca vai à nova posição na tabela, somando 24 pontos e enfrenta o Figueirense na próxima rodada, depois da Olimpíada do Rio, em setembro. A Ponte, por sua vez, permanece na oitava poição com os mesmos 24 pontos, mas com uma vitória a mais. Pega o Botafogo, também após Jogos Olímpicos. 

Logo nos primeiros minutos, os dois times tiveram alguma chance de marcar gol, porém foi a Ponte Preta que apareceu com mais perigo no segundo minuto, quando, após cruzamento, Fabio Ferreira disputou no alto com a defesa tricolor e a bola acabou indo para fora, por cima da trave do gol dos mandantes. Nos minutos que seguiram após essa chance da Ponte, os visitantes conseguiram ter um pouco do controle da partida, visto a falta de ação na armação do Fluminense. O jogo, também, ficou mais físico com algumas entradas fortes.

Contudo, aos 19 minutos veio o primeiro gol do jogo, e veio dos pés de Scarpa, em cruzamento na cobrança de falta na intermediária. Cícero cabeceou e mandou pro fundo das redes, abrindo o placar ao Flu. Desde minutos antes do tento, o Tricolor Carioca conseguiu tomar as rédeas da partida, cheando a ter mais de 67% da posse de bola. Os visitantes ainda tiveram duas chances de marcar com Rhayner e Roger ainda na primeira etapa, mas não conseguiram. 

Já na segunda etapa, logo no comecinho, aos dois minutos, o Flu chegou próximo do segundo gol, mas a bola não chegou em Henrique Dourado, tendo a intervenção do goleiro antes. Mas o que era quase, deixou de ser. Cícero aproveitou cruzamento de Scarpa, assim como no primeiro, e cabeceou pro gol, marcando o segundo do tricolor no jogo aos nove minutos da fase final.

Depois do segundo gol do Flu, o jogo passou mais pegado, tendo alguns cartões amarelos, assim como foi no primeiro tempo. Mas, as 25 minutos, Wellington recebeu passe sem querer de Scarpa e encobriu o goleiro adversário para marcar o terceiro do Fluminense no jogo e selar a vitória do clube carioca.