G-6 x caça à liderança: Fluminense e Flamengo fazem clássico com objetivos distintos no Raulino

No Flu, Levir Culpi faz mistério, mas não descarta entrada de Richarlison. No Fla, Zé Ricardo perde Guerrero

G-6 x caça à liderança: Fluminense e Flamengo fazem clássico com objetivos distintos no Raulino
Foto: Nelson Perez/Fluminense F.C.
Fluminense
Flamengo
Fluminense: Julio César, Wellington Silva, Gum, Henrique e William Matheus; Pierre (Richarlison), Douglas, Cícero, Gustavo Scarpa, Wellington e Marcos Junior.
Flamengo: Alex Muralha; Pará, Réver, Rafael Vaz e Jorge; Marcio Araújo, Willian Arão e Diego; Gabriel, Everton e Leandro Damião.
ÁRBITRO: Sandro Meira Ricci.
INCIDENCIAS: Jogo válido pela 30ª rodada do Brasileirão Série A.

G-6 x caça à liderança: Fluminense e Flamengo fazem clássico nesta quinta-feira (13), às 21h, no Raulino de Oliveira, com propósitos diferentes. O Tricolor é o sexto colocado, com 46 pontos, e busca a vitória para se firmar no G-6, que classifica à pré-Libertadores. O rubro-negro, por sua vez, não perde há exatos dois meses e quer manter a boa fase para seguir na cola do líder Palmeiras. O Fla é o segundo colocado com 57 pontos, três a menos que a equipe paulista.

O último encontro entre as equipes aconteceu no primeiro turno do Brasileirão. Pela 11ª rodada, o Fluminense venceu o Flamengo por 2 a 1, na Arena das Dunas, em Natal. Willian Arão (contra) e Richarlison marcaram para o Tricolor, enquanto Guerrero fez a favor do rubro-negro.

No Raulino de Oliveira, o Flamengo nunca perdeu para o Fluminense. No total, foram somente três jogos, com dois empates e uma vitória. Já no histórico de confrontos pelo Campeonato Brasileiro, o time de Laranjeiras leva vantagem. Até o momento, foram 56 jogos, com 22 vitórias tricolores, 15 empates e 19 triunfos rubro-negros. O Fla, porém, marcou mais gols: 67 contra 65.

A arbitragem do clássico ficará sob responsabilidade de Sandro Meira Ricci, da Federação Catarinense. Ele terá como auxiliares Emerson Augusto de Carvalho e Marcelo Carvalho Van Gasse, ambos de São Paulo.

Levir Culpi faz mistério, mas não descarta Richarlison

A derrota para o Santos na última rodada interrompeu a série de três vitórias seguidas do Fluminense, algo que nunca havia conseguido no campeonato. Desde então, o Tricolor teve uma semana livre para focar no clássico. O técnico Levir Culpi, ainda assim, fez mistério e não revelou o time que encara o Flamengo.

''O elenco é isso. O Flamengo também está observando o nosso elenco. Eles estão pensando no que podem fazer contra nós. É isso, estuda muito, treina muito, mas às vezes pode chegar na hora e ser goleado. Ainda estamos em busca do time ideal. A tendência é não falar sobre escalação'', disse Levir.

A princípio, o Flu deve ser praticamente o mesmo dos últimos jogos, com, no máximo, uma mexida. O atacante Richarlison, que tem sido bastante utilizado, pode ocupar vaga de Pierre. Levir não descartou essa possibilidade: ''Ele tem condições. São situações que estamos observando, nosso elenco, as condições que temos. É o encaixe. Às vezes você estuda muito, encaixa o time e toma uma goleada. Prefiro insistir muito na repetição do time. Tem horas que encaixa o time de uma maneira e consegue uma regularidade. O Fluminense pode não ter um time ideal, mas é competitivo.''

Sendo assim, o Fluminense deve ir a campo com: Julio César, Wellington Silva, Gum, Henrique e William Matheus; Pierre (Richarlison), Douglas, Cícero, Gustavo Scarpa, Wellington e Marcos Junior.

Com dores na coxa, Guerrero está fora do Fla-Flu

Vivendo um excelente momento no Brasileiro, no qual o Flamengo não perde desde a 20ª rodada, na partida contra o Sport, o técnico Zé Ricardo terá uma baixa importante. O atacante peruano Paolo Guerrero se reapresentou com dores na coxa após servir a seleção peruana e, com isso, está fora do Fla-Flu.

Além dele, outro centroavante que desfalca o Flamengo é Felipe Vizeu, que está com a Seleção sub-20. Portanto, Leandro Damião será o titular. No gol, Muralha retorna na vaga de Paulo Victor. O técnico Zé Ricardo falou da árdua sequência que o Flamengo terá até a reta final do Brasileirão:

''Será uma decisão atrás da outra para todos nós. Mas, sinceramente, a gente faz um planejamento jogo a jogo. Podemos prospectar coisas melhores, um título, internamente, mas temos que ir passo a passo para conseguir isso de forma consistente e equilibrada, sem pular etapas'', disse.

Sendo assim, o Flamengo deve ir a campo com: Alex Muralha; Pará, Réver, Rafael Vaz e Jorge; Marcio Araújo, Willian Arão e Diego; Gabriel, Everton e Leandro Damião.