Jorge Macedo não é mais diretor executivo do Fluminense

Após oito meses à frente do cargo de diretor executivo, o dirigente deixa o clube no que aparenta ser o início das reformulações prometidas por Pedro Abad, novo presidente do clube

Jorge Macedo não é mais diretor executivo do Fluminense
Foto: Nelson Perez/FluminenseFC

O Fluminense anunciou na manhã desta quarta-feira o desligamento do até então diretor executivo Jorge Macedo. O dirigente estava no clube há oito meses e, apesar da conquista da Primeira Liga, não resistiu à pressão da torcida pela má campanha no brasileirão. A ação tem sido tratada como a primeira iniciativa de Pedro Abad como presidente.

Macedo chegou ao Fluminense em Abril deste ano após as saídas de Mário Bittencourt e Fernando Simone unida a demissão de Eduardo Baptista. Com caráter apaziguador e famoso por sua boa visão de mercado, teve como sua primeira ação dentro do clube a contratação de Levir Culpi para o comando técnico da equipe.

Apesar de seu bom histórico, não conseguiu desenvolver um bom trabalho em sua segunda passagem pelas Laranjeiras (trabalhou em Xerém entre 2010 e 2011) e tem como sua principal conquista, o campeonato da Primeira Liga. Em seu período à frente do clube, contratou oito jogadores ao total, são eles:  Rojas, Claudio Aquino, Danilinho, Dudu, Maranhão Marquinho, Wellington e William Matheus. Além de Sornoza e Orejuela, que chegam ao clube no início de 2017.

A saída de Jorge Macedo é tida como a primeira iniciativa de Pedro Abad como presidente do Fluminense uma vez que a mudança da diretoria executiva já fazia parte dos planos do até então candidato, que prometeu uma reformulação na parte futebolística do clube. Ainda não há um nome para substituir Macedo, no entanto, até mesmo Pedro Antônio fora cogitado. 

Confira abaixo o comunicado oficial emitido pelo clube tricolor comunicando o desligamento de Jorge Macedo:

"O Fluminense Football Club comunica o desligamento do diretor executivo Jorge Macedo, agradece pelos serviços prestados nestes oito meses à frente do Futebol tricolor, fazendo parte da conquista da Copa da Primeira Liga, e deseja sorte ao profissional em seus próximos desafios."