Após vitória, Abel Braga agradece homenagens e desabafa: "Meu filho está aqui comigo"

Em entrevista o comandante agradeceu as homenagens; Durante a coletiva o treinador usou uma camisa com a foto de seu filho

Após vitória, Abel Braga agradece homenagens e desabafa: "Meu filho está aqui comigo"
(Foto: Lucas Merçon/Fluminense FC)

A noite deste sábado (05) era pra ser de mais uma rodada simples do Campeonato Brasileiro 2017, mas a emoção tomou conta de todo estádio. De volta ao Maracanã, o Fluminense bateu o Atlético-GO por 3 a 2. Os gols tricolores foram de Wendel, Wellington Silva e Henrique Dourado. O volante Paulinho marcou para os goianos. Com esta vitória, o Flu quebrou uma série de sete rodadas sem vencer como mandante.

+ Em noite de homenagens a Abel, Flu vence Atlético-GO no Maracanã e encerra jejum como mandante

Mesmo quebrando o tabu de vencer como mandante, o que embalou a partida foram as homenagens à Abel Braga. O treinador perdeu seu filho por conta de um acidente caseiro. O fato que aconteceu na última semana tocou torcedores e clubes de todo Brasil. Antes do início do jogo, os torcedores entoaram o grito "Guerreiro, guerreiro, Abelão guerreiro". Além disso, o tradicional minuto de silêncio foi respeitado por todos no Maracanã. As homenagens tocaram o comandante que se emocionou. 

Em entrevista após a partida, o treinador afirmou a presença de seu filho e questionou o motivo da perda: "Meu filho está aqui comigo. Com os mesmos olhos azuis, irreverente... Não sei explicar o que está se passando. Até agora não entendo o motivo. Fico me perguntando: será que ele teve de nos deixar para que um dos Bragas transcendesse o futebol? É a única razão que vejo. A família é tão digna, correta, real, que precisa passar um pouco dos limites do futebol", comentou. 

(Foto: Lucas Merçon/Fluminense FC)
(Foto: Lucas Merçon/Fluminense FC)

Além disso, o treinador falou que agradeceu seus atletas depois do jogo e afirmou não saber de onde tira forças: "Acabei de agradecer de coração aos meus jogadores por tudo o que aconteceu. Para eu poder oferecer essa vitória ao meu filho. A transformação em uma semana... Uma força que não sei da onde estou tirando. Ele me fez ultrapassar o futebol. É muito complicado explicar o que eu sinto, vivo e estou passando", exaltou. 

O comandante falou sobre a importância da vitória, a quebra da sequência negativa e já projetou o próximo confronto: "Teve momentos no jogo que eles perderam a bola no ataque com seis ou sete atletas na frente. A vitória foi muito importante, quebrou uma sequência ruim, é um campeonato difícil. Foi bom, vai tirar um peso grande. Agora vamos tentar aproveitar o máximo que pudermos. Temos esse jogo a menos na quarta, conheço bem a Ponte. Jogar lá é sempre complicado", avaliou.

Com a vitória, o Fluminense ocupa de forma parcial a oitava (8ª) posição na tabela. O tricolor volta à campo na próxima quarta-feira (9) para enfrentar a Ponte Preta no Moisés Lucarelli. A partida será válida pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro 2017 e está em atraso devido ao acidente com o filho de Abel Braga. 

Fluminense FC