Lateral Marlon reconhece 'apagão' no início em derrota para Sport: "Não pode acontecer"

Equipe carioca foi derrotada em casa diante o Sport na tarde deste sábado (25)

Lateral Marlon reconhece 'apagão' no início em derrota para Sport: "Não pode acontecer"
Foto:/Lucas Merçon/Fluminense F.C.

Uma tarde para ser esquecida. Após ser derrotado em pleno Maracanã para a equipe do Sport pelo placar de 1 a 2 e com direito a dois gols de André com intervalo menor que 10 minutos na primeira etapa, os jogadores do Fluminense comentaram na saída de campo sobre a atuação e o resultado, que eliminou as chances do tricolor de alcançar uma disputa de vaga na Libertadores em um possível G-9.

O lateral Marlon afirma que o fator principal da derrota foi mesmo o mau início de partida: "Acho que foi nosso início ruim que decretou a partida, correr atrás do placar é muito difícil e a gente teve que correr atrás. Foi muito ruim, abaixo dos piores jogos que a gente fez, não pode acontecer esse tipo de situação", disse.

Henrique Dourado corroborou com Marlon que houve um momento ruim do Flu logo na primeira parte do jogo. No entanto, o time mostrou recuperação:

"No início estávamos relaxados. Entramos muito mornos e pagamos por isso. Quando abrimos o olho, já estava 2 a 0 para o Sport. No intervalo, o Abel conversou com a gente, e no segundo tempo voltamos com mais velocidade. Deixamos escapar a vitória. Nada contra a arbitragem, mas também quatro minutos de acréscimo foi muito pouco. Agora é descansar e pensar no Atlético-GO para terminar o campeonato com dignidade na última rodada"

Para Renato Chaves, a última rodada servirá para manter a cabeça erguida e comentou sobre a honra do clube, que é um dos únicos que entra na 38° praticamente de férias: "Estava muito quente, mas não importa, entrou muito desligado. Perdia muito a segunda bola. Era tirando e perdendo a segunda, tirando e perdendo a segunda bola... Uma hora eles iam fazer gol. Apesar de estarmos livres do rebaixamento, temos que honrar a camisa do Fluminense".