Sem Robinho, Fluminense estreia na Copa do Brasil contra a Caldense

Atacante sofreu uma entorse no tornozelo direito e não se recuperou a tempo. Tricolor joga por qualquer empate para avançar à próxima fase

Sem Robinho, Fluminense estreia na Copa do Brasil contra a Caldense
Foto: Mailson Santana / Fluminense
Caldense (MG)
Fluminense
Caldense (MG): Omar, Jefferson Feijão, Marcelo, Robinho e Jhonatan; Jean Henrique, Mineiro e Potita (Marquinhos); Juninho, Neilson e Anderson Rosa.
Fluminense: Júlio César, Gum, Renato Chaves e Ibañez; Gilberto, Richard, Jadson, Sornoza e Ayrton. Marcos Jr e Pedro.
ÁRBITRO: Paulo Roberto Alves Junior.
INCIDENCIAS: Jogo válido pela primeira fase da Copa do Brasil 2018.

Em meio à disputa do Campeonato Carioca, o Fluminense muda o foco para a Copa do Brasil. Nesta quarta-feira (31), o Tricolor fará sua estreia na competição contra a Caldense, às 19h30 (de Brasília), no estádio Doutor Ronaldo Junqueira, em Poços de Caldas, Minas Gerais.  

Houve apenas uma única partida entre Caldense e Fluminense em toda a história. Há 39 anos, Caldense e Fluminense ficaram no empate em 1 a 1. Donizete abriu o placar para a Veterana logo no início do jogo, enquanto Cléber deixou tudo igual na etapa final. O amistoso, naquela ocasião, marcou a inauguração do estádio Dr. Ronaldo Junqueira.

A Copa do Brasil deste ano terá jogo único nas duas primeiras fases. Neste início, os melhores colocados no ranking da CBF atuarão fora de casa e também terão a vantagem do empate. O campeão desembolsará R$ 50 milhões, o maior prêmio de todas as competições nacionais e sul-americanas na temporada.

Caldense confiante em um bom resultado

A Caldense faz um Campeonato Mineiro digno até o momento. Em quatro jogos, soma uma vitória, dois empates e uma derrota. Tem como ponte forte seu sistema defensivo e pressão na saída de bola. Além disso, é pedra no sapato dos grandes – segurou o empate sem gols em casa contra o Cruzeiro. Portanto, o time mineiro está confiante em garantir um bom resultado diante do Fluminense:

''Com certeza as duas questões pesam bastante: o momento do Fluminense e a confiança do resultado positivo na nossa casa, perante a nossa torcida. A gente sabe que uma vitória simples nos garante'', falou o goleiro Omar.

Para o time que vai a campo, o técnico Zezito pode não contar com o meia Potita, que teve um corte na cabeça. Caso ele não tenha condições, Marquinho assume a vaga. Sendo assim, a Caldense deve jogar com: Omar, Jefferson Feijão, Marcelo, Robinho e Jhonatan; Jean Henrique, Mineiro e Potita (Marquinhos); Juninho, Neilson e Anderson Rosa.

Abel mantém a mesma base que venceu o Madureira

O Fluminense encara a Caldense em busca de novos ares após um início de ano ruim. A vitória contra o Madureira, que foi apenas a primeira do Tricolor na temporada, servirá de combustível para os comandados de Abel Braga almejarem uma classificação à próxima fase. A tarefa, porém, não será fácil. Mesmo com a vantagem do empate, o goleiro Júlio Cesar prevê dificuldades:

''Sendo um jogo eliminatório, a gente precisa pensar em todos os aspectos. A torcida deles com certeza vai lotar o estádio. A gente tem que ficar focado e ligado os 90 minutos, senão vamos ser surpreendidos. Temos uma experiência no ano passado, contra o Sinop, em que fomos pro intervalo perdendo. A gente conseguiu focar e virar o jogo'', disse.

Para o time que vai a campo, o técnico Abel Braga manterá praticamente a mesma base que venceu o Madureira, com exceção, porém, do atacante Robinho, que sequer viajou por conta de uma entorse no tornozelo. Por outro lado, o Flu terá a volta de Sornoza. Assim, o Tricolor deve jogar com Júlio César, Gum, Renato Chaves e Ibañez; Gilberto, Richard, Jadson, Sornoza e Ayrton. Marcos Jr e Pedro.