Goiás dorme no segundo tempo e sofre empate do Anápolis nos acréscimos

Time esmeraldino terminou primeiro tempo na frente, mas cansou na etapa final e levou o empate no estádio Jonas Duarte

Goiás dorme no segundo tempo e sofre empate do Anápolis nos acréscimos
Anápolis e Goiás ficam no empate no Jonas Duarte. (Foto: Divulgação/Goiás E.C)
Anápolis
1 1
Goiás
Anápolis: Samuel; Netinho, Robson, Júnior e Vitinho; Fred, Eurico, Neilson e Gleyson; João de Deus e Pedro Henrique. Técnico: Nivaldo Lancuna
Goiás: Marcelo Rangel; Caíque Sá, Eduardo Brock, Raphael Silva e Jefferson (Breno); Madison, Léo Sena e Giovanni; Maranhão, Júnior Viçosa e Felipe Garcia. Técnico: Hélio dos Anjos
Placar: 0x1 - Giovanni (44'min - 1º tempo) 1x1 - David de Souza (46'min - 2º tempo)
ÁRBITRO: Bruno Rezende (GO) apitou a partida, auxiliado por Bruno Pires (Fifa/GO) e Roberto Pereira (GO)
INCIDENCIAS: 8ª rodada do Campeonato Goiano de 2018; A partida foi realizada ás 21h45 (Horário de Brasília), no estádio Jonas Duarte, em Anápolis (GO)

O Goiás vacilou no final da partida contra o Anápolis nessa quarta-feira (14), no estádio Jonas Duarte. Com um gol sofrido nos acréscimos, o time esmeraldino empatou em 1 a 1 com o Galo da Comarca e deixa escapar a vitória que parecia garantida, em um jogo onde o time de Hélio dos Anjos perdeu inúmeras oportunidades.

Mesmo com o empate, o Goiás segue na liderança do Grupo A, com 17 pontos ganhos. São oito jogos com cinco vitórias, dois empates e uma derrota. O Anápolis voltou para a zona de rebaixamento do Goianão. Com sete pontos, o Galo está na 5ª colocação do Grupo B.

O próximo jogo do Verdão será novamente no estádio Jonas Duarte, no domingo (18), ás 17h. O Galo jogará no sábado (17), ás 17h, também no Jonas Duarte, contra o Atlético-GO. Os jogos serão válidos pela 9ª rodada do Campeonato Goiano 2018.

Chances perdidas e gol de pênalti no final do primeiro tempo

O Goiás mostrou mais empenho no primeiro tempo em busca da vitória. Aos cinco minutos, o volante Léo Sena, que estava completando 100 jogos com a camisa esmeraldina, arriscou na entrada da área e exigiu boa defesa de Samuel, mandando pra fora.

Depois, o meia Giovanni deu ótimo passe para Felipe Garcia, que na frente do goleiro, se deslocou mal e bateu pela linha de fundo. O meia-atacante teve outra chance de marcar dentro da área e dessa vez, bateu em cima do goleiro Samuel.

A pressão do Verdão só continuava. Giovanni teve outra boa chance de marcar em finalização de fora da área, que Samuel defendeu. Até que nos acréscimos, Felipe Garcia foi derrubado na área o árbitro marcou penalidade máxima para o Verdão.

Na cobrança, Giovanni foi com frieza e bateu no canto esquerdo do goleiro Samuel, abrindo o placar no Jonas Duarte: 0x1. A equipe de Hélio dos Anjos foi para o vestiário mais satisfeita com o resultado.

Goiás cansa no segundo tempo e Anápolis empata no fim do jogo

O jogo no segundo tempo foi outro, principalmente para o lado do Goiás. A equipe estava demonstrando bastante cansaço dentro de campo, não conseguindo manter a bola no pé e errando inúmeros passes. O Anápolis também não jogava bem e criava com muitas dificuldades.

Mesmo mal em campo, o Goiás teve uma chance de matar o jogo. Maranhão deu um passe perfeito para Felipe Garcia receber a bola na frente de Samuel, mas o meia-atacante bateu mal e o goleiro do Galo fez a defesa. Minutos depois, Breno finalizou após cruzamento e Samuel salvou em cima da linha

Não era o dia de Felipe, e isso ficou mais claro quando em um lance bobo, o jogador fez a falta e recebeu o segundo cartão amarelo, sendo expulso de campo. Com um a menos, o Goiás rezava para a partida acabar logo no Jonas Duarte.

Nos acréscimos, o Galo pressionou e David de Souza teve uma chance na entrada da área, ele bateu rasteirinho, no canto esquerdo de Marcelo Rangel, e a bola bateu na trave antes de entrar no gol: 1x1. Era o empate do Galo, que saiu com um gosto amargo para o Goiás.