Grêmio busca reabilitação diante do líder Palmeiras na Arena

Equipe tricolor quer botar fim na sequência negativa no Campeonato Brasileiro, enquanto Verdão espera se consolidar na ponta da tabela

Grêmio busca reabilitação diante do líder Palmeiras na Arena
(Foto: Cesar Greco / Fotoarena)
Grêmio
Palmeiras
Grêmio: Marcelo Grohe, Edílson, Geromel, Wallace Reis e Marcelo Oliveira (Kannemann); Jailson, Walace e Ramiro (Pedro Rocha/Lincoln); Douglas, Luan e Miller Bolaños.
Palmeiras: Jailson, Fabiano (Tchê Tchê), Edu Dracena (Thiago Martins), Vitor Hugo e Zé Roberto; Gabriel, Moisés, Tchê Tchê (Thiago Santos ou Cleiton Xavier); Rafael Marques (Róger Guedes ou Cleiton Xavier), Dudu e Gabriel Jesus.
ÁRBITRO: Emerson de Almeida Ferreira, auxiliado por Luiz Antonio Barbosa e Marconi Helbert Vieira, todos de MG.
INCIDENCIAS: Partida válida pela 24ª rodada do Campeonato Brasileiro, a ser disputada às 18h30 deste domingo (11), na Arena do Grêmio, em Porto Alegre.

Neste domingo (11), Grêmio e Palmeiras realizam mais um dos confrontos que compõem a 24ª rodada do Campeonato Brasileiro. A partida tem início previsto para às 18h30 e será realizada na Arena do Grêmio, em Porto Alegre. Você pode acompanhar o tempo real do confronto no VAVEL Live.

Não é tão bom o momento que vive o Tricolor Gaúcho. Sem se deparar com vitórias há quatro jogos, a equipe de Roger Machado carrega uma fase desconfortável. Para esquentar ainda mais os ânimos e o clima pesado, torcedores invadiram o treino na manhã do último sábado (10) cobrando bons resultados.

Se para os gaúchos o momento não é bom, o Palmeiras vive o oposto no Brasileirão. Desde a derrota para o Botafogo na 17ª rodada, o Verdão de Cuca não sabe o que é perder. Em Seis jogos disputados, foram dois empates e quatro vitórias, o que manteve a equipe paulista na liderança da competição. 

Para a partida, a arbitragem do confronto será realizada por Emerson de Almeida Ferreira, auxiliado por Luiz Antonio Barbosa e Marconi Helbert Vieira, todos de MG.

Roger Machado sinaliza mudanças, mas faz mistério sobre titulares do Grêmio

Com dois treinos fechados antes do duelo com o Palmeiras, o comandante Roger Machado não confirmou quais jogadores iniciarão a partida deste domingo, mas deu indícios de uma provável mudança tanto de esquema quanto de algumas peças no time do Grêmio. Alvo de muitas críticas, o lado esquerdo poderá sofrer alterações segundo discurso do técnico. Os nomes mais criticados do elenco nos últimos jogos foram o lateral-esquerdo Marcelo Oliveira, o volante Ramiro e o centroavante Henrique Almeida. Dos três, a única certeza é a saída de Henrique, já que Miller Bolaños retorna da seleção equatoriana. 

"Treinador faz exercício toda hora, todo momento. Não só no momento que perde ou passa por instabilidade. É feito em todos os momentos. Não é à toa que a gente revê os jogos. Salientei que o treinador é feito de apostas, de ideias, treinamento, avaliação do treino. Quando por vezes colocamos um jogador em uma posição que (vocês) não estão habituados a vê-lo jogar, parece invenção, obra de uma ideia maluca. Sempre passa pela nossa cabeça. Claro que nesse momento de instabilidade circunstancial se questiona sobre alguns aspectos", comentou o técnico.

O Tricolor teve uma sequência negativa de quatro jogos sem vitória. Perdeu para Coritiba, com uma goleada por 4 a 0, Botafogo e Flamengo e empatou com o Atlético-MG. Essa foi a pior sequência de Roger Machado no Brasileirão. Essa maré ruim acarretou em uma invasão de um grupo de 20 torcedores que protestou na frente da Arena e tentou invadir o treino fechado no estádio.  O zagueiro Pedro Geromel reconheceu que a equipe não está correspondendo como deveria e que os jogadores estão evitando até mesmo sair na rua.

"Chega um momento que o pessoal tem que, o resultado não aparece e futebol infelizmente é resultado, eles querem que a gente ganhe. Vão cobrar jogador, direção, vão cobrar treinador. Todo mundo está sendo cobrado. Nós evitamos até sair na rua com a situação que não estamos ganhando, uma situação delicada, e vamos fazer de tudo para reverter essa situação", disse o zagueiro. 

O time gremista está indefinido para o confronto já que Roger fechou os únicos dois treinamentos que teve e evitou esboçar a escalação em sua entrevista coletiva. Porém, a tendência é que retome o esquema 4-2-3-1, que era utilizado anteriormente, para dar mais confiança aos atletas. Assim, Pedro Rocha entraria na vaga de Ramiro no meio-campo. Os desfalques de Roger Machado para o confronto são Maicon, Negueba, Everton, Moisés, e Gabriel. Portanto, o provável plantel titular do Grêmio deverá contar com Marcelo Grohe; Edílson, Geromel, Wallace Reis e Marcelo Oliveira (Kannemann); Jailson, Walace e Ramiro (Pedro Rocha ou Lincoln); Douglas, Luan e Miller Bolaños. 

Desfalques obrigam Cuca a alterar defesa do Palmeiras

Resultado positivo é o foco do Palmeiras no confronto diante do Grêmio. Nessa sequência decisiva no Campeonato Brasileiro, o Verdão, após o tricolor gaúcho, terá pela frente o Flamengo, que é vice-líder, e Corinthians, em clássico fora de casa. Para Cuca, vencer esses adversários é o diferencial na disputa pelo título. Um dos trunfos desta partida diante da equipe gaúcha é o retorno de Gabriel Jesus após servir a seleção brasileira e desfalcar o Palmeiras por seis partidas. Este será o primeiro jogo que o jovem atacante tem 100% de suas condições para ser titular.

"Ele acresce muito à nossa equipe. Nós nos acostumamos a jogar com ele. Naquele jogo (São Paulo) eu não pretendia usá-lo tanto tempo, talvez até não usá-lo. Era um risco grande. Se ele tem uma lesão muscular, o culpado é o treinador. Temos os riscos na profissão, que às vezes são necessários. Daquele momento em diante sentimos nossa equipe encorpar. Ele entrou do lado esquerdo, fez a diagonal, ganhou bola. Nos encorpou muito", comentou Cuca.

Com o ataque em ordem para a partida em Porto Alegre, o Verdão precisará se atentar um pouco mais para a defesa. O lateral-direito Jean e o zagueiro Yerry Mina estão suspensos pelo terceiro cartão amarelo, e Cuca terá de realizar mudanças no setor. Na dupla de zaga Edu Dracena e Thiago Martins disputam uma posição ao lado de Vitor Hugo, enquanto a lateral direita segue como dúvida.

João Pedro, uma das alternativas de Cuca, sentiu uma lesão na perna direita durante o treino desta sexta-feira (9) e deixou o gramado mancando. Caso o desfalque se confirme, uma das opções poder ser Fabiano, lateral de ofício. Porém, uma alternativa que agrada é a utilização do versátil Tchê Tchê na posição. Os desfalques de Cuca para a partida são Fernando Prass, Mina, Jean e Arouca. Com isso, o provável time titular do Verdão deve ser composto por Jailson; Fabiano (Tchê Tchê), Edu Dracena (Thiago Martins), Vitor Hugo e Zé Roberto; Gabriel, Moisés, Tchê Tchê (Thiago Santos ou Cleiton Xavier); Rafael Marques (Róger Guedes ou Cleiton Xavier), Dudu e Gabriel Jesus.

O retrospecto fora de casa do Palmeiras no segundo turno vem sendo impecável até o momento. O Verdão bateu o Atlético-PR por 1 a 0 em Curitiba e o Fluminense por 2 a 0 em Brasília. Além dos 100% de aproveitamento, a equipe não sofreu nenhum gol, mesmo atuando longe de seus domínios. O objetivo do alviverde é aproveitar o mau momento enfrentado pelo time gaúcho, que venceu apenas uma de suas últimas sete partidas e vem de uma goleada por 4 a 0 para o Coritiba. Com queda de rendimento evidente, o Tricolor conquistou apenas um dos últimos 12 pontos em disputa no Brasileiro.