Jogadores do Grêmio valorizam empate e reconhecem Cruzeiro como grande adversário

Tricolor gaúcho empatou em Belo Horizonte pelo placar de 3 a 3 com o Cruzeiro

Jogadores do Grêmio valorizam empate e reconhecem Cruzeiro como grande adversário
Foto: Washington Alves/Cruzeiro

A partida entre Cruzeiro e Grêmio, que fechava a 8ª rodada do Campeonato Brasileiro foi eletrizante para os que assistiram, repleta de emoção e lances de habilidade. O confronto terminou com placar de 3 a 3. O tricolor gaúcho, que necessitava de uma vitória para assumir a liderança, permaneceu com a distância de um ponto para o atual líder Corinthians, alvinegro com 20 pontos conquistados.

Fato é que o que não faltaram foram ingredientes no confronto, tanto que de acordo com os próprios jogadores foi “a melhor partida do Campeonato”. Depois de estar com superioridade no placar, a sensação de decepção pela não conquista da vitória era nítida por parte de alguns jogadores tricolores, após o término do jogo, Ramiro tratou de dizer:  "Gostar de empatar é difícil, mas foi uma grande partida e conseguimos jogar bem. Tive duas oportunidades que poderiam mudar o rumo da partida, infelizmente não consegui aproveitar da melhor forma”.

Ainda na saída de campo, Geromel perguntado sobre o resultado tratou de valorizar o ponto diante do Cruzeiro e enfatizou a qualidade da equipe: “Estivemos a frente do placar mas infelizmente sofremos empate, viemos buscando a vitória mas fizemos uma grande partida e um empate no Mineirão contra um time de qualidade como é o Cruzeiro, não é um mal resultado”.

O companheiro argentino de Geromel na zaga gremista, Walter Kannemann, que saiu ainda nos minutos iniciais do segundo tempo devido a problemas musculares, explicou o motivo de sua saída e o que já vinha sendo tratado com o departamento médico do clube gaúcho: “Já vinha sentido algumas dores importantes, já havia combinado com o corpo técnico e médico que pra próxima partida iria parar, infelizmente aconteceu o que aconteceu, não aguentou(o músculo) ” - relatou o zagueiro.

Um dos principais destaques do atual momento do Grêmio, o atacante Luan foi questionado sobre a fase que vive e também sobre especulações sobre sua possível saída do clube gaúcho rumo à Europa: “Estou com a cabeça no Grêmio, procuro não saber de especulações para não desviar o foco, prefiro que me falem quando existir algo concreto. “. Além disso, o jovem gremista foi tietado também em relação a possibilidade de fazer parte de uma futura lista de convocados de Tite para a Seleção Brasileira: “Não penso muito nisso não, vou procurar fazer um bom trabalho aqui, claro que se tivesse uma oportunidade de convocação ficaria muito feliz, mas vou trabalhar para que as coisas aconteçam”, finalizou o atleta.

Ainda no fim da noite, um dos jogadores que mais causaram dúvidas na escalação do time titular do Grêmio para a noite desta segunda-feira(19) era Maicon, perguntado sobre ter ficado no banco de reservas, o volante revelou:”Conversei com o Renato e disse que não me sentia no meu melhor momento fisícamente e técnicamente, alguns companheiros meus estão em um nível mais alto nesse momento. Pensei no bem do grupo e do clube, o grupo é muito unido e se alguém estiver em melhores condições, irá jogar. O Renato nos da essa liberdade de ser claro assim como fui”, terminou o capitão da equipe do Grêmio.

O tricolor gaúcho retorna a campo ainda no meio de semana pela 9ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Grêmio enfrenta o Coritiba na quinta-feira, às 21h00, na Arena do Grêmio em em Porto Alegre.